Campo Grande/MS, Quarta-Feira, 21 de Novembro de 2018 |
27˚
(67) 3042-4141
Colunistas
Domingo, 18 de Fevereiro de 2018, 12h:56
Tamanho do texto A - A+
Colunistas

A importância da atividade física na gestação

Por Pérola Cattini

Da coluna Bem-Estar
Artigo de responsabilidade do autor

Exercícios podem diminuir dores nas costas e controlar a ansiedade e a pressão arterial

Istock Photos

ColunaBem-Estar

Exercícios podem diminuir dores nas costas e controlar a ansiedade e a pressão arterial

Realizar exercícios físicos durante a gravidez é uma prática recomendada pela maioria dos obstetras. Os benefícios são variados: ajuda no fluxo sanguíneo cerebral, no controle da ansiedade, diminui as dores nas costas, ajuda no controle da pressão arterial, entre outros pontos positivos. A questão é saber quais atividades você pode ou não fazer.
           
As mulheres que já realizavam alguma atividade física antes de ficarem grávidas são as com mais facilidade de continuar a se exercitar. As atividades podem ser variadas, desde natação e exercícios aeróbicos até ioga e pilates. Antes de começar a fazer qualquer uma dessas, consulte seu médico para saber com que frequência e intensidade você está apta a realizar esses exercícios.
           
As atividades mais recomendadas são hidroginástica e caminhada. A primeira tem a ajuda da água, que reduz o peso corporal e facilita na execução da ginástica. Já as atividades aeróbicas, como caminhada e bicicleta, trabalham o sistema cardiovascular. Nesse caso, vale a pena até cogitar a compra de um calçado, como um tênis Mizuno feminino ou de qualquer outra marca esportiva para diminuir o impacto do pé com o chão.

A natação pode aumentar seu fôlego, além de tonificar os músculos. Já o alongamento pode ser benéfico para relaxar os músculos e controlar a ansiedade. Mas, nesse caso, é importante respeitar os limites do seu corpo. Quem não tem o costume de fazer alongamento tem bastante dificuldade na execução dos movimentos. Você pode fazer essa atividade durante toda a gravidez.
           
Ioga também é uma atividade física importante para quem está em período de gestação. Ao fazer os exercícios, você aprenderá a relaxar e a controlar a sua respiração. Com esse maior autocontrole, o parto pode se tornar um pouco menos doloroso. A ioga também pode ajudar a diminuir as dores nas costas, já que os exercícios podem aliviar a pressão sobre a medula espinhal.

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix