Campo Grande/MS, Terça-Feira, 28 de Março de 2017 | 04:03
27˚
(67) 3042-4141
Colunistas
Domingo, 21 de Agosto de 2016, 12h:47
Tamanho do texto A - A+
Colunistas

Dicas para deixar sua casa à prova de alergias

Da coluna Bem-Estar

Por Pérola Cattini
Artigo de responsabilidade do autor

Istock Photos

Coluna Bem-Estar

Higienização constante é muito importante

O advento das novas tecnologias, o crescimento populacional e a ampliação do número de pessoas concentradas nas cidades por conta de atividades profissionais, atuando em setores da indústria e do comércio, principalmente nos grandes centros urbanos, provocaram o aumento de doenças respiratórias contagiosas. A poluição e a grande quantidade de fuligem expelida pelas indústrias ajudaram a elevar as taxas de pessoas acometidas por alergias como rinite e sinusite, por exemplo.

As alergias, inclusive, tornaram-se um grande inimigo do homem moderno, que passou a desenvolver inúmeras delas e viu sua imunidade ficar cada vez mais baixa ao tentar tratar seus problemas respiratórios. A superproteção dos pais durante a infância também pode ser uma das causas desse grande aumento do número de pessoas com alergia ao redor do planeta. Alguns especialistas afirmam que deixar as crianças brincarem na rua e no chão contribui para a formação de um sistema imunológico mais eficiente e evita que tais doenças se tornem insuportáveis no futuro.

Como grande parte das pessoas mora em centros urbanos e frequentemente possuem alergias diversas, fizemos um artigo com algumas das principais dicas sobre o que se deve fazer para tornar a residência um ambiente mais agradável e que não induza a crises alérgicas em pessoas que possuem determinadas pretensões. Confira:

1)    O ambiente

Um dos principais cuidados a serem tomados para prevenir que as alergias sejam ainda mais intensificadas nos ambientes domésticos é prestar atenção a algumas questões básicas de ventilação e iluminação do ambiente. Muitas casas permanecem grande parte do dia ou mesmo da semana com suas portas e janelas completamente fechadas, impedindo a circulação do ar e a renovação dos gases e elementos constitutivos da atmosfera. Além disso, uma casa que não possui luz solar estará mais propícia a desenvolver elementos alergênicos e causar mais desgaste respiratório.

A dica é, sempre que possível, abrir as janelas e as portas, sendo que a indicação é que tal prática seja realizada ao menos uma vez ao dia. Quanto ao sol, é importante também que este penetre no ambiente residencial com certa frequência, por isso é indicado que o horário escolhido para abrir as cortinas seja por volta do meio-dia.

 

2)    Colchões e almofadas

Quem não gosta de colchões, sofás e almofadas bem confortáveis para descansar e jogar o corpo após um dia cansativo de trabalho ou estudo? Pois é. Mas o que representa conforto e descanso pode rapidamente se tornar sinônimo de espirros e coceiras na garganta. Quem é alérgico sabe que qualquer ambiente empoeirado e que passa muito tempo fechado pode ser fatal para o desencadeamento de uma crise alérgica. Objetos como almofadas, colchões e sofás têm maior tendência à proliferação de ácaros, ao acúmulo de poeira e à provocação de alergias quando não são muito bem cuidados ou não passam por uma manutenção para a retirada de umidade e sujeira.

A dica é, ao menos uma vez por semana, colocar os itens estofados para tomar um banho de sol e aproveitar para passar um pano seco em suas superfícies, retirando todo o resquício de sujeira que possa ter. Outra solução bastante eficaz é, no caso dos colchões e travesseiros, por exemplo, priorizar a compra de produtos antialérgicos.

 

3)    Atenção ao acúmulo

Acumular coisas se tornou um hábito comum das pessoas nos tempos modernos. Isso porque cada dia mais os objetos têm se tornado descartáveis e vamos substituindo o que antes possuíamos por coisas novas e, assim, acumulando mais e mais pilhas de objetos sem uso. Livros, filmes, aparelhos digitais e documentos são alguns dos objetos mais acumulados pelas pessoas nos dias atuais.

Mas o que isso tem a ver com deixar a casa imune aos diversos tipos de alergia? Bem, objetos acumulados têm, em geral, a tendência de também acumular sujeira, pó e fuligem, resultando em ambientes com mais propensão ao desenvolvimento de ácaros e outros causadores de alergias. A dica é sempre rever o que está sendo acumulado e tentar reduzir o número de objetos cada vez que comprar um novo.

 

4)    A limpeza

Outra dica extremamente importante é com relação à higiene dos cômodos e da casa de maneira geral. Ambientes limpos ajudam a evitar a proliferação de ácaros e elementos que promovem reações alérgicas. A dica é limpar o chão (no caso de piso frio e carpete de madeira) com panos úmidos e móveis e objetos em geral com panos secos. O indicado é que onde as pessoas mais se instalam, como nos quartos e na sala, uma limpeza rápida seja feita diariamente, enquanto uma limpeza mais profunda pode ficar para os fins de semana.

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix