Campo Grande/MS, Segunda-Feira, 24 de Junho de 2019 |
27˚
(67) 3042-4141
Colunistas
Terça-Feira, 21 de Maio de 2019, 12h:57
Tamanho do texto A - A+
Colunistas

Decreto das armas libera compra de fuzil

Por Marco Eusébio

Da coluna Entrelinhas da Notícia
Artigo de responsabilidade do autor

Imagens Globo/Reprodução

ColunaMarcoEusébio

Fuzil T4 da Taurus tem força cinética de 1.320 joules, abaixo do limite de 1.620 joules permitido pelo decreto

O decreto de Jair Bolsonaro que regulamenta o porte e posse de armas no Brasil, possibilitará a qualquer cidadão possa comprar um fuzil. Conforme o Jornal Nacional, a nova regra aumenta em quatro vezes o poder de fogo de armas que poderão ser adquiridas por civis e inclui o fuzil T4, fabricado no país pela Taurus, usado por forças militares. A Taurus confirmou ao jornal que só espera a regulamentação do decreto para vender o T4 a civis, disse que a fila de espera já tem duas mil pessoas e que a arma poderá ser entregue em até três dias depois da compra. A versão para civis será a tiro a tiro, sem opção de rajada. Até agora, brasileiros só podem comprar armas com energia cinética até 407 joules, o que inclui revólveres de calibres 32 e 38, e pistolas de calibre 380. O decreto sobe o limite para até 1.620 joules, incluindo o T4 calibre 5.56 da Taurus, com força cinética de 1.320 joules. Também permitirá a compra de pistolas de calibre ponto 40 e nove milímetros (de uso das forças policiais) e de calibre 45, empregado pelos militares do Exército.

 

 

   Leia a coluna de hoje clicando aqui em Marco Eusébio in Blog

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix