Campo Grande/MS, Domingo, 09 de Dezembro de 2018 |
27˚
(67) 3042-4141
Colunistas
Domingo, 11 de Março de 2018, 07h:29
Tamanho do texto A - A+
Colunistas

Donaldo Trump aceita convite do norte-coreano Kim Jong-un para encontro

Por Marco Eusébio

Da coluna Entrelinhas da Notícia
Artigo de responsabilidade do autor

Mandel Ngan/AFP/G1 Reprodução

ColunaMarcoEusébio

Na frente Casa Branca, o sul-coreano Chung Eui-Yong anuncia que Trump aceitou convite de Kim Jong-un

Kim Jong-un convidou e Donaldo Trump aceitou se encontrarem até maio para discutir a "desnuclearização" da Península Coreana. O anúncio foi feito na Casa Branca pelo conselheiro de segurança nacional da Coreia do Sul, Chung Eui-yong, que, depois de visitar o ditador da Coreia do Norte, entregou na quinta (08) ao presidente dos Estados Unidos uma carta de Kim Jong-un se comprometendo a não mais realizar testes nucleares ou de mísseis, e convidando para a reunião que, se ocorrer, será a primeira da história de um presidente dos EUA no exercício do cargo com um líder norte-coreano. Em 2009, Bill Clinton se encontrou com Kim Jong-il, pai de Kim Jong-un, mas já havia deixado a Casa Branca. Apesar do aceno de paz do Kim filho, a porta-voz da Casa Branca explicou que todas as sanções em vigor e "o máximo de pressão" serão mantidas sobre Pyongyang, informam as agências de notícias.

 

 

   Leia a coluna de hoje clicando aqui em Marco Eusébio in Blog

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix