Campo Grande/MS, Domingo, 24 de Setembro de 2017 | 18:47
27˚
(67) 3042-4141
Colunistas
Quarta-Feira, 12 de Julho de 2017, 15h:16
Tamanho do texto A - A+
Colunistas

MPF pede fim de investigação contra Lula baseada em delação de Delcídio

Da coluna Entrelinhas da Notícia

Por Marco Eusébio
Artigo de responsabilidade do autor

Estadão/Arquivo Reprodução

ColunaMarcoEusébio

Para procurador não há provas de que Lula tenha convocado reunião para barrar Lava Jato, conforme disse Delcídio

O Ministério Público Federal (MPF) pediu ontem (12) à Justiça que seja arquivada a investigação interna para apurar suposta tentativa do ex-presidente Lula de obstruir a Lava Jato, aberta com base na delação premiada do ex-senador Delcídio do Amaral. No pedido, o procurador Ivan Marx sustenta que não há provas da "existência de real tentativa de embaraço às investigações". Para Marx, Delcídio usou o nome de Lula para fechar acordo de delação com a Procuradoria-Geral da República (PGR). O sul-mato-grossense disse que teria participado de uma reunião convocada por Lula, em 2015, com os senadores Renan Calheiros (PMDB-AL) e Edison Lobão (PMDB-MA), para traçar estratégias para barrar as investigações da Lava Jato. Para o procurador, não foram encontradas provas da suposta reunião, mesmo após a oitiva dos senadores que teriam participado dela. O arquivamento ou não do inquérito será decidido pelo juiz Ricardo Leite, da 10ª Vara Federal de Brasília.

 

 

  Leia a coluna de hoje clicando aqui em Marco Eusébio in Blog

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix