Campo Grande/MS, Sábado, 26 de Maio de 2018 | 00:25
27˚
(67) 3042-4141
Colunistas
Segunda-Feira, 14 de Maio de 2018, 17h:18
Tamanho do texto A - A+
Colunistas

Só MS e Ceará têm “outsiders” de partido tradicional para o Governo, diz O Globo

Por Marco Eusébio

Da coluna Entrelinhas da Notícia
Artigo de responsabilidade do autor

O Globo/Reprodução

ColunaMarcoEusébio

Odilon é citado como um dos únicos outsiders em partido tradicional na eleição que traz velhos nomes como Roseana no Maranhão

O juiz federal aposentado Odilon de Oliveira (PDT) em Mato Grosso do Sul e o general Guilherme Cals Theophilo (PSDB) no Ceará são os únicos pré-candidatos "outsiders" a cadeiras de governador que integram partidos tradicionais com boa estrutura, diz manchete intitulada "Sem espaço para renovação" da página 3 da edição de hoje do jornal O Globo. Conforme o jornal, as forças partidárias tradicionais ignoraram a demanda popular por renovação na política e vão oferecer aos eleitores neste ano "os candidatos de sempre a governador". Com exceção de Odilon de Theophilo, os novos nomes no meio político serão minoria nos estados e integram partidos pequenos, de pouca visibilidade, ou recém-criados, como a Rede e o Novo. O jornal cita ainda que essa situação se repete na sucessão presidencial depois da desistência das duas principais novidades – o ex-presidente do Supremo, Joaquim Barbosa; e o apresentador de TV Luciano Huck – sobrando pré-candidatos que integram há muito tempo a vida pública como Geraldo Alckmin (PSDB), Ciro Gomes (PDT), Marina Silva (Rede), Jair Bolsonaro (PSL) e Álvaro Dias (Podemos).

 

 

   Leia a coluna de hoje clicando aqui em Marco Eusébio in Blog

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix