Campo Grande/MS, Domingo, 21 de Outubro de 2018 | 10:19
27˚
(67) 3042-4141
Cotidiano
Sexta-Feira, 10 de Agosto de 2018, 15h:21
Tamanho do texto A - A+

EMHA diz que não há solução imediata para famílias em ocupação de terreno da Homex

Em nota, a agência municipal afirmou que nunca houve promessa de reassentamento imediato dessas famílias

Leonardo Barbosa
Capital News

Comunidade MS

EMHA diz que não há solução imediata para famílias em ocupação de terreno da Homex

Terreno foi ocupado por cerca de 1 mil famílias em 2017

Em resposta às reivindicações das famílias que vivem em terreno invadido desde 2017, da antiga construtora Homex, no Jardim Centro Oeste, a EMHA (Agência Municipal de Habitação) divulgou uma nota de esclarecimento.

 

Na nota, a agência diz que “diante de manifestação ocorrida nesta sexta-feira (10) por integrantes de invasão de área particular pertencente à empresa Homex, nunca houve promessa, por parte da Agência, de reassentamento imediato dessas famílias”.

 

A agência ainda ressalta que o prefeito Marquinhos Trad, tentou pessoalmente tratar do caso, comparecendo à uma audiência com massa falida da empresa Homex, negociando a desapropriação do terreno, mas a proposta feita pela prefeitura foi recusada pela empresa.

 

A agência ainda ressaltou que não foi a autora do pedido de reintegração de posse, expedido pela justiça para cumprimento imediato expedido na semana passada.

 

 

Para finalizar, a EMHA disse estar disposta a tratar administrativamente a situação dessas famílias, realizar cadastros, bem como verificar a possibilidade futura de reassentamento, mas disse não ser possível apresentar uma solução imediata para a questão, já que é preciso acatar a decisão judicial.

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!
Trinix