Campo Grande/MS, Sexta-Feira, 15 de Dezembro de 2017 | 20:23
27˚
(67) 3042-4141
Cotidiano
Terça-Feira, 10 de Outubro de 2017, 09h:17
Tamanho do texto A - A+

Parte dos funcionários da Solurb cruza os braços por falta de pagamento

Promessa era de que dinheiro caísse na conta dos empregados da coleta de lixo nesta terça-feira

Flávio Brito
Capital News

Deurico Ramos/Capital News

solurb2 (1).jpg

Funcionários ameaçam manter a greve por falta de pagamento

Parte dos 1,2 mil funcionários da Solurb não recebeu o salário referente ao mês de setembro, como estava previsto. A promessa era a de que o dinheiro estivesse na conta nesta terça-feira (10). “Estamos aqui no aterro sanitário e esses funcionários não tem condições de trabalhar”, afirma o presidente  o presidente do Steac-MS (Sindicato dos Trabalhadores nas Empresas de Asseio e Conservação de Mato Grosso do Sul), Wilson Gomes da Costa.

Questionado sobre se algum novo prazo foi estabelecido para pagar o restante do pessoal, Costa afirma que a promessa é de que todos recebam até o fim da manhã. “Eles disseram que antes da hora do almoço, então vamos esperar até a hora do almoço”, disse o sindicalista, considerando a paralisação que já estava prevista para começar às 7h15 desta terça-feira.

Sobre o pagamento, a Prefeitura de  Campo Grande respondeu por meio da assessoria de imprensa, apenas sobre a data do pagamento. “O pagamento será realizado nesta terça-feira (10)”, diz a mensagem.

A empresa foi notificada por meio de ofício, que uma paralisação marcada para hoje. Conforme determina a lei, uma paralisação deste tipo tem de ser anunciada com pelo menos 72 horas de antecedência. Nesta terça-feira, às 7h15, venceu o prazo dado pelo Steac.

Por ofício, a concessionária informou ao sindicato que a Prefeitura de Campo Grande ainda não havia pagado a empresa, por isso o atraso nos salários, que deveriam ter sido depositados na sexta-feira (6), o quinto dia útil do mês.  Nesta segunda-feira (9), o secretário de Finanças do município, Pedro Pedrosso Neto chegou a divulgar, por meio da imprensa que a prefeitura já teria depositado R$ 540 mil e que ainda faltava R$ 1,1 milhão.

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix