Campo Grande/MS, Quinta-Feira, 19 de Julho de 2018 | 05:14
27˚
(67) 3042-4141
Cotidiano
Terça-Feira, 12 de Dezembro de 2017, 15h:08
Tamanho do texto A - A+

Produções sul-mato-grossenses receberão investimentos de R$ 300 mil

As inscrições de obras audiovisuais para receber o investimento foram reabertas até dia 18 de janeiro

Esthéfanie Vila Maior
Capital News

Divulgação / Governo de MS

Produções sul-mato-grossenses receberão investimentos de R$ 300 mil

A proposta irá contemplar três obras audiovisuais, documentário ou ficção, com valor de R$ 100.000,00

A Secretaria de Estado de Cultura e Cidadania (SECC) e a Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul (FCMS) reabriram o edital para Produção de Telefilmes do Mato Grosso do Sul que acontece em parceria com a Agência Nacional de Cinema (Ancine). O edital anterior não alcançou o número mínimo de inscritos. 

 

O prazo máximo para envio de propostas agora é dia 18 de janeiro, conforme edital publicado no Diário Oficial do Estado (DOE). O evento é aberto a participação de todos os interessados na produção audiovisual no Estado.

 

Para o secretário de Estado de Cultura e Cidadania, Athayde Nery, ressalta a importância do envolvimento da comunidade audiovisual. “Temos que nos apropriar desse momento, pois a cada real que o Governo coloca são dois que a Ancine acrescenta em contrapartida. O momento é de envolver toda comunidade do audiovisual do Estado nessa tarefa de buscar recursos e assim transformar o Estado em um destino para filmes no Brasil. Estamos abrindo caminhos”, destaca.

 

A proposta irá contemplar três obras audiovisuais, documentário ou ficção, com valor de R$ 100.000,00. As empresas produtoras interessadas em apresentar projetos de realização de documentário ou ficção com duração de 26 ou 52 minutos devem enviar as propostas via Sedex para o endereço que consta no edital até a data limite de inscrição.

 

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix