Campo Grande/MS, Terça-Feira, 23 de Julho de 2019 |
27˚
(67) 3042-4141
Cotidiano
Sexta-Feira, 12 de Julho de 2019, 18h:57
Tamanho do texto A - A+

Sanesul vai investir R$ 14 milhões em Ponta Porã

Serão 16 bairros beneficiados, milhares de famílias atendidas

Elaine Silva
Capital News

Divulgação/Sanesul

Sanesul vai investir R$ 14 milhões em Ponta Porã

Serão 16 bairros beneficiados, milhares de famílias atendidas

A Sanesul está investindo R$ 14 milhões de reais em obras que ampliam o Sistema de Abastecimento de Água já existente em Ponta Porã. A empresa está perfurando um poço tubular profundo, o PNP-037 (do Sistema Centro), com aproximadamente 600 metros de profundidade e uma previsão de vazão de 250 mil litros de água por hora. O poço irá garantir o abastecimento de água tratada de uma região populosa, são centenas de famílias beneficiadas dos bairros: na Área Central, Santa Isabel, São João,  Vila Áurea, Vila Reno,  Maria Auxiliadora,  Aquidaban e Jardim Primor.

Todas essas obras são possíveis com recursos da própria Sanesul, obtidos pelo Programa de Aceleração do Crescimento – PAC 2, via Governo Federal. De acordo com a assessoria o abastecimento de água em Ponta Porã - Atualmente, a Sanesul mantém 20 poços e 12 reservatórios, elevados e apoiados, que de forma segura e eficiente abastecem todo o município.

Para que a água tratada chegue até a casa do morador, são necessárias as estruturas de redes e ligações subterrâneas. A Sanesul também está executando mais 22 km de rede de distribuição de água e 210 ligações domiciliares de água.

Dentro deste pacote de obras em saneamento de água tratada, também consta a ativação do sistema de captação do poço tubular profundo especial PNP-034 (do Sistema Marambaia), que vai beneficiar os bairros: Marambaia,São Rafael, Julia Cardinal, Primavera, Mooca, Rodoviária , Jardim das Rosas e Andreazza.

Mudanças
Também estão sendo construídos mais dois reservatórios apoiados de concreto armado com capacidade de reservação de 1 milhão de litros de água cada (no Sistema Marambaia e no Sistema Centro); dois abrigos de cloração (no Sistema Marambaia e no Sistema Centro); uma elevatória (no Sistema Centro), estação elevatória de água tratada e 2.463 metros de adutora para o centro de reservação Jardim Esperança (adutora é a tubulação que leva água da captação até os reservatórios).

 

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!
Trinix