Campo Grande/MS, Domingo, 18 de Novembro de 2018 |
27˚
(67) 3042-4141
Cultura e Entretenimento
Terça-Feira, 19 de Junho de 2018, 18h:27
Tamanho do texto A - A+

Semana do Cinema Brasileiro exibe filmes gratuitos

Programação começa nesta terça-feira com o longa “Assalto ao Trem Pagador”

Esthéfanie Vila Maior
Capital News

Divulgação

Semana do Cinema Brasileiro exibe filmes gratuitos

Cena do filme “Assalto ao Trem Pagador”

A programação da Semana do Cinema Brasileiro começa com o longa “Assalto ao Trem Pagador”, nesta terça-feira (19). Serão exibidos filmes nacionais com entrada gratuita, no Museu da Imagem e do Som (MIS), em parceria com o Cine Café.

 

Desde 1970 é comemorado o Dia do Cinema Brasileiro em 19 de junho. A data é devido ao primeiro registro de imagens em movimento realizado no Brasil, pelo cinegrafista italiano Affonso Segretto. A filmagem, batizada de “Uma vista da Baia de Guanabara”, não sobreviveu ao tempo.

 

O objetivo da Mostra é proporcionar o encontro do público com os clássicos do cinema brasileiro. “É uma aula de estética, sobre formas de produzir os filmes”, explica o jornalista João Costa, integrante do Cine Café e professor do curso de extensão Movimento Cinematográfico, da Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UFMS).

 

Programação

Terça-feira (19) – Assalto ao Trem Pagador (1962)

Direção: Nelson Pereira dos Santos

Sinopse: No interior do Estado do Rio de Janeiro, um grupo de seis homens assalta o trem pagador na estrada de ferro Central do Brasil. Eles decidem só gastar, no máximo, dez por cento do produto roubado, para não despertar suspeitas da polícia. Só que Grilo Peru (Reginaldo Faria) resolve se entregar ao luxo da zona sul carioca, sendo assassinado por Tião Medonho (Eliezer Gomes), o líder da quadrilha. Ao mesmo tempo, a polícia fecha o cerco sobre os outros assaltantes, quase todos os favelados.

 

Quarta-feira (20) – Desmundo (2002)

Direção: Alain Fresnot

Sinopse: Brasil, por volta de 1570. Chegam ao país algumas órfãs, enviadas pela rainha de Portugal, com o objetivo de desposarem os primeiros colonizadores. Uma delas, Oribela (Simone Spoladore), é uma jovem sensível e religiosa que, após ofender de forma bem grosseira Afonso Soares D’Aragão (Cacá Rosset) se vê obrigada em casar com Francisco de Albuquerque (Osmar Prado), que a leva para seu engenho de açúcar.

 

Quinta-feira (21) – A história da eternidade (2004) 

Direção: Camilo Cavalcante

Classificação: 16 anos

Sinopse: Alfonsina (Débora Ingrid) tem 15 anos e sonha conhecer o mar. Querência (Marcélia Cartaxo) está na faixa dos 40. Das Dores (Zezita Matos) já no fim da vida, recebe o neto após um passado turbulento. No sertão, compartilham sobrenome e muitos sentimentos, amam e desejam ardentemente.

 

Serviço

O MIS fica na Avenida Fernando Corrêa da Costa, 559 Centro. Mais informações pelo telefone (67) 3316-9178.

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix