Campo Grande/MS, Sábado, 23 de Junho de 2018 | 02:39
27˚
(67) 3042-4141
Cultura e Entretenimento
Sexta-Feira, 09 de Março de 2018, 16h:27
Tamanho do texto A - A+

Trinka investe em mistura musical e lança novo clipe

Grupo inova com mix de gêneros e apresentações que são um verdadeiro espetáculo

Esthéfanie Vila Maior
Capital News

Reprodução / Facebook

Trinka investe em mistura musical e lança novo clipe

Grupo se apresenta com corpse paint, um tipo de um tipo de pintura facial em preto e branco

Composto pelo DJ Danilo Dan, pelo produtor musical Fábio Adames e pelo músico Chicão Castro, o Trinka lançou nesta sexta-feira (09) o novo som “Quero Paz”.  Nas redes sociais, o trio afirmou que a música é “uma oração pela paz que a gente tanto deseja”.

 

Dirigido Diego Duek, o clipe combina música clássica com eletrônica e uma espécie de folk regional, mostrando que é possível juntar estilos diferentes. O grupo explica que a mistura foi inspirada na letra, que diz “eu só quero paz, ser feliz demais, não quero ser normal”.

 

O clipe é gravado em plano sequência, passando a sensação de estar assistindo uma apresentação ao vivo. A banda Muchileiros, uma mini orquestra, coral e outros convidados participaram da música. Confira!

 

 

Trinka

O grupo surgiu em abril de 2017, apesar de cada integrante já ter em torno de 15 anos de carreira. A ideia começou quando Dj Dan quis montar um projeto com som diferente, unindo música eletrônica à elementos orgânicos em um live. A partir daí, nasceu o Trinka, com Fábio, no vocal e guitarra, e Chicão, no vocal e percussão.

 

As letras falam sobre coisas boas, levando positividade paz e amor para as pessoas. O som do Trinka une o pop com MPB e música Eletrônica. 

André Thomé Barbosa

Com parceria Internacional, banda de Campo Grande lança primeiro vídeo clipe

Performance cheia de luzes e efeitos especiais nos shows têm conquistado o público de Campo Grande

As apresentações são um verdadeiro espetáculo de luzes e cores. Além de cantarem com corpse paint, um tipo de um tipo de pintura facial em preto e branco, as performances são cheias de efeitos especiais. A percussão tem luzes e purpurina que voa quando é tocada. Durante o show também têm explosão de Co2.

 

Essa mistura toda parece ter agradado os sul-mato-grossenses e o resto do Brasil. O grupo já se apresentou no ano novo de João Pessoa e também em outras cidades do País. É bom o público regional aproveitar enquanto os meninos estão por aqui, porque o sucesso promete ser nacional.

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix