Campo Grande/MS, Quinta-Feira, 23 de Maio de 2019 |
27˚
(67) 3042-4141
Economia
Quinta-Feira, 25 de Abril de 2019, 08h:30
Tamanho do texto A - A+

Boletim destaca os mais de 10 mil empregos com carteira assinadas gerados no MS

O mesmo boletim trouxe informações como um incremento de 526 empregos formais impulsionado pela indústria de transformação e de serviços

Juliana Brum
De Três Lagoas para o Capital News

Prefeitura de Jundiaí

Boletim destaca os mais de 10 mil empregos com carteira assinadas gerados no MS

O comercio do setor de bebidas e alimentos foram o destaque na empregabilidade no MS

O Mato Grosso do Sul em Março, apareceu com o saldo acumulado de 10.570 empregos com carteira assinada gerados nos três primeiros meses de 2019, segundo os dados do boletim do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados – CAGED.

O mesmo boletim trouxe informações como um incremento de 526 empregos formais impulsionado pela indústria de transformação (625 novas vagas) e serviços (695 novas vagas).

O setor de Indústria de Alimentos e bebidas foi destaque aparecendo com a geração de 595 novas vagas e indústria farmacêutica com 177 novas vagas. No setor de Serviços, o destaque ficou para Transportes com criação de 249 novas vagas e Serviços médicos, odontológicos e veterinários com geração de 209 novas vagas.

O Governo do Estado mostrou orgulho dos números alcançados e apresentados quando Azambuja completou 100 dias a frente do governo. “O Governo do Estado segue com a política de atração de novos empreendimentos para Mato Grosso do Sul, que diversifiquem nossa economia e gerem mais empregos. Nesta semana tivemos a notícia do processo de verticalização da produção industrial da GreenPlac, que vai gerar 100 novos empregos em Água Clara a partir de julho deste ano. Também vimos o excelente resultado da safra 18/19 do setor sucroenergético, expandindo a produção e garantindo a continuidade de milhares de empregos”, comentou o secretário Jaime Verruck, da Semagro (Secretaria de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar).

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix