Campo Grande/MS, Quarta-Feira, 19 de Setembro de 2018 | 14:59
27˚
(67) 3042-4141
Economia
Quarta-Feira, 04 de Julho de 2018, 18h:19
Tamanho do texto A - A+

Petrobras reajusta o preço do gás de cozinha

Após reclamações sobre o peso do produto no orçamento das famílias de baixa renda, a estatal passou a adotar uma regra de reajuste trimestral

Flávio Brito
Capital News

Perfil News

Consumidores ficam sem gás de cozinha

Gás de cozinha chegou a ficar em falta durante a greve dos caminhoneiros, como foi o caso de Três Lagoas 

A Petrobras reajustou nesta quarta-feira (4) o preço do gás de cozinha (GLP) em 4,4%. O botijão de 13 quilos passa a valer R$ 23,10 a partir desta quinta-feira (5). No acumulado do ano, o GLP apresenta aumento de 5,2%, se comparado ao preço praticado em dezembro do ano passado.

 

A estatal informou que o reajuste ocorre devido à desvalorização do real frente ao dólar, que apenas entre março a junho foi de 16%, e ao reajuste de 22,9% do preço do GLP no mercado internacional no mesmo período.

 

O preço para o consumidor final, porém, é bem mais salgado. Em algumas cidades o valor do botijão de 13 kg supera R$ 70, com o repasse de tributos e margens das distribuidoras. Em Campo Grande, em meados de junho, o botijão foi encontrado por R$ 75

 

Desde o início deste ano, após reclamações sobre o peso do valor do gás de cozinha no orçamento das famílias de baixa renda, a Petrobras passou a adotar uma regra de reajuste trimestral para o chamado GLP (gás liquefeito de petróleo).

 

Em janeiro, o valor do botijão foi fixado em R$ 23,16. Depois, em 05 de abril caiu para R$ 22,13. E a partir de amanhã sobe para R$ 23,10.

 

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix