Campo Grande/MS, Sexta-Feira, 22 de Fevereiro de 2019 |
27˚
(67) 3042-4141
Educação
Quarta-Feira, 06 de Fevereiro de 2019, 17h:40
Tamanho do texto A - A+

Educação de Dourados quer implantar Literatura em Libras no ensino infantil

Projeto apresentado nesta quarta-feira seria pioneiro no país e atenderia 3 mil alunos do município

Renato Giansante
De Dourados para o Capital News

A. Frota/PMD

Educação de Dourados quer implantar Literatura em Libras no ensino infantil

Reunião de apresentação do projeto à prefeita Délia Razuk na manhã desta quarta-feira

A prefeita de Dourados, Délia Razuk (PR), recebeu nesta quarta-feira (6) um projeto da Secretaria de Educação, por meio do Núcleo de Educação Infantil, que visa implantar de forma pioneira no país a Língua Brasileira de Sinais (Libras) no ensino da educação infantil no município.

De acordo com a assessoria da prefeitura, o projeto é denominado “Literatura em Libras” e se aprovado pode atingir cerca de 3 mil alunos as turmas de Pré I e Pré II, oferecidas nos Centros de Educação Infantil Municipal e nas escolas municipais.

“É maravilhoso saber que parte desta gestão um projeto que vai fazer a diferença para gerações futuras. Gostaria de agradecer a todos que estiveram envolvidos”, disse a prefeita.

A apresentação foi realizada pela coordenadora do NEI/Semed, Claudia Marinho Carneiro Noda que explicou a intenção de colocar em prática o quanto antes.

“É um projeto para 2019/20, que visa o ensino de Libras às crianças nas unidades de educação infantil urbanas, do campo e nas aldeias, tendo por certo que crianças aprendem mais e mais rápido”, disse Cláudia.

De acordo com as diretrizes nacionais, o ensino em Libras seria apenas nos anos finais e dessa forma Dourados passaria a ser inovador implantando já nos anos iniciais com preenchimento de um tempo de 50 minutos semanais.

“Estamos finalizando a normativa para publicar em Diário Oficial e iniciar o processo de cadastro de profissionais que vão atuar nesta seara”, finalizou Cláudia.

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix