Campo Grande/MS, Quarta-Feira, 28 de Junho de 2017 | 13:26
27˚
(67) 3042-4141
ENTREVISTA
Quinta-Feira, 09 de Fevereiro de 2017, 16h:55
Tamanho do texto A - A+

Vereador Otávio Trad fala sobre os projetos e expectativas para o novo mandato

Com foco em áreas que estão interligadas a sua profissão, vereador quer estar como membro ou como participante em algumas comissões da Casa

Flavia Andrade
Capital News

Deurico/Capital News

Vereador Otávio Trad fala sobre os projetos e expectativas para o novo mandato

Com foco em áreas que estão interligadas a sua profissão, vereador quer estar como membro ou como participante em algumas comissões da Casa

Otávio Augusto Trad Martins, 31 anos, campo-grandense, casado com Natália Rios Godoy Trad Martins, é advogado formado em 2007, pela Universidade Católica Dom Bosco. Como acadêmico do curso de Direito, Otávio trabalhou no escritório de advocacia Ernesto Borges e no escritório Nelson Trad, onde atua como advogado desde 2013. Otávio Trad se especializou em Direito Administrativo entre 2009 e 2010.

O Senhor tem quatro projetos em andamento. Projeto com relação a Juventude, Vídeomonitoramento, Food Truck e Flex-Park, comente um pouco sobre os projetos que o Sr. Está desenvolvendo, qual a importância e qual a visão que o Sr. tem para contribuição com relação a isso?

Vereador Otávio Trad - O Food Truck já é um projeto que já foi aprovado, em 2015, tivemos uma conversa com a secretária de Cultura e Turismo aqui de Campo Grande, a Dra. Nilde Brum, pedimos para ela dar ênfase a essa nova onda do Food Truck, que nos grandes centros do Brasil já tem uma grande efetividade dessa nova cultura, e pensando em cultura, em gastronomia, em turismo, é muito importante que a gente possa dar valor a esse projeto.

A questão da Juventude é muito ampla, a gente vê hoje, participação cada vez mais efetiva do jovem na política, uma grande demonstração disso foram essas eleições, não só em Campo Grande, mas no País inteiro, que elegeu vereadores mais jovens, eu creio que daqui um ano e meio, nós teremos eleições para deputado estadual, deputado federal, senador, presidente, governador, a intenção e o objetivo do eleitor brasileiro, é estar dando a oportunidade para esse tipo de perfil dentro da política. Jovens com novas ideias, com novos pensamentos, e eu vejo isso uma grande importância para o futuro político, administrativo e eleitoral, de cada um dos municípios do nosso País.

Deurico/Capital News

Vereador Otávio Trad fala sobre os projetos e expectativas para o novo mandato

Com foco em áreas que estão interligadas a sua profissão, vereador quer estar como membro ou como participante em algumas comissões da Casa



Outro projeto também, a respeito do vídeomonitoramento, é uma das nossas causas que nós brigamos durante os quatro anos de mandato, inclusive na época o secretário Valério Azambuja, que foi o responsável pela implantação do vídeomonitoramento, nós tivemos uma reunião com ele, cobramos a efetividade, a implantação, porque era um projeto que já tinha sido aprovado, lá atrás e que já tinha o recurso federal reservado e que só faltava a boa vontade do gestor em ta implantando esse vídeomonitoramento.

 

Então, eu vejo que o Brasil, está cada vez mais inseguro e nós temos que nos preocupar muito, Campo Grande sempre foi uma cidade que não é considerada violenta, mas que nos últimos anos, aumentou muito a violência. Eu como advogado vejo isso diariamente, na questão jurídica e vejo também na questão social como vereador, então eu acho muito importante que os parlamentares eleitos, os vereadores e todos aqueles que têm cargo eletivo, possam ter uma preocupação com a questão da segurança em nosso País, em nosso Município, em nosso Estado. 

Questão do FlexPark é uma questão que está iniciando, ainda não foi apresentado, eu fui procurado por alguns dos advogados de Campo Grande, reclamando dessa situação, de ter que toda vez que ir ao Fórum e permanecer pelo dia inteiro ou pela tarde inteira,não ter a possibilidade de estacionar lá e ficar o tempo que precisa.

 

Se você for ver, uma das regras do FlexPark é colocar como limite máximo 120 minutos, se você for permanecer por mais de 120 minutos, você tem que retornar ao FlexPark para retornar os 120 minutos, então, assim, tem advogados que passam a tarde toda em audiência. Então a gente está estudando uma maneira de contemplar não só os advogados, mas todos aqueles que utilizam o FlexPark para fins trabalhistas e para fins diários.

 

Por exemplo: Eu acho injusto quem usa o FlexPark todos os dias no período da manhã e da tarde, ter que pagar e arcar com esse valor financeiro, então, nós estamos tentando, vamos fazer uma audiência pública, vamos discutir uma melhor maneira de apresentar esse projeto.

Deurico/Capital News

Vereador Otávio Trad fala sobre os projetos e expectativas para o novo mandato

Com foco em áreas que estão interligadas a sua profissão, vereador quer estar como membro ou como participante em algumas comissões da Casa


O Senhor já presidiu a Comissão Permanente de Legislação, Justiça e Redação, participou também da Juventude e da Segurança, e está cotado de novo para Legislação, Justiça e Redação. Como o Senhor vê a continuidade desse trabalho, o que já foi realizado, o que ainda pode ser realizado com essa renovação da Comissão?

Vereador Otávio Trad – Bom, eu durante todo o período que eu estive aqui, dos quatro anos, eu sempre busquei fazer a diferença naquilo que eu entendo, não adianta eu como advogado, querer fazer parte da comissão de Esporte ou de outras matérias, e eu vejo que nós temos que dividir as comissões conforme a capacidade técnica de cada um dos vereadores, eu sou advogado, estudei cinco anos na faculdade, fiz pós-graduação.


Então, a minha contribuição para a sociedade, dentro das comissões da Casa, vai ser justamente nesse quesito. Comissão de Justiça, Comissão de Segurança, Comissão de Eficácia Legislativa, Comissão de Juventude e pretendo, após ter sido presidente, vice-presidente e membro da Comissão de Justiça, ao menos participar dessa Comissão para contribuir com aquilo que eu entendo da área do Direito, para a Cidade de Campo Grande.

 

Então o meu objetivo é continuar dentro das Comissões que eu fiz parte dentro dos quatro anos, como você falou, da Justiça, da Juventude, da Segurança Pública e pretendo também fazer parte da Comissão de Eficácia Legislativa, que é a defesa da prerrogativa do vereador.
 
Hoje a gente vê uma Câmara Municipal atuante, como a de Campo Grande, durante esses quatro anos, aprovando inúmeros projetos, e que se a gente for ver na prática não são aplicados pelo Prefeito e não são também respeitados pela população. Essa questão da eficácia e da validade e da prática, dos projetos aprovados pelos vereadores, pode fazer uma diferença positiva na sociedade.

 

O Senhor falou em renovação, a Câmara teve uma renovação muito grande nessa última eleição, foram 18 novos vereadores. Como o senhor vê essa mudança na Câmara, na estrutura toda, os novos vereadores que estão chegando, a maioria tem participação política, mas não tinha aquela visibilidade como todos os outros, como o senhor vê isso e como o senhor pretende trabalhar com esses novos vereadores, as parcerias para novos projetos, novas menções, para a cidade?

Deurico/Capital News

Vereador Otávio Trad fala sobre os projetos e expectativas para o novo mandato

Com foco em áreas que estão interligadas a sua profissão, vereador quer estar como membro ou como participante em algumas comissões da Casa

Vereador Otávio Trad – Certo, muito boa a pergunta, eu durante todo esse período que acabou as eleições e realmente nós tivemos uma renovação muito grande em Campo Grande, a gente ouve muito falar que a Câmara de Campo Grande renovou, que a Câmara de Campo Grande, tem novas caras, Campo Grande quis trocar seus parlamentares, só que tem um detalhe nessa situação que às vezes muitos esquecem.


Não foi a Câmara de Campo Grande que renovou, foi a Câmara do País inteiro que renovou, se você for analisar as principais Capitais, ou as principais Capitais do País, a renovação de vereadores foi muito grande. Então, não foi uma situação específica na nossa cidade, mas foi uma situação específica na política brasileira diante de todas as situações que acontecem e que aconteceram e que ainda vão acontecer.

A gente vê que a população quer mudar, quer buscar um novo perfil, quer uma nova ideia dentro da política, e eu vejo o perfil das pessoas que vieram para a Câmara, que foram eleitas, como o perfil daquilo que a população brasileira quer, que é um perfil jovem, um perfil trabalhador, um perfil daquele que vê a política de uma outra maneira, então essa é uma renovação não só da Câmara Municipal, como da política brasileira.

E eu creio que quem não se adequar a essa nova perspectiva política, vai acabar realmente ficando de fora. Então eu agradeço a população que viu em mim, merecimento em retornar aos trabalhos, eu costumo dizer que a reeleição ela é muito mais, ela te traz muito mais alegria do que a própria eleição, porque quando você é eleito te dão uma oportunidade para você mostrar o seu trabalho, quando você é reeleito, a oportunidade que eles te deram parece que foi alcançada, então eles querem que você continue fazendo o seu trabalho.

 

Então, a minha vida política ela vai depender desses quatro anos, se eu fizer um bom trabalho, podem querer que eu continue dentro da política, e se eu não atender as expectativas, vão querer renovar e assim é a vida política, e a vida profissional e tudo na vida é assim.

Então eu espero fazer um bom trabalho, como fiz durante os quatro anos, com uma perspectiva muito melhor, principalmente de relacionamento com o Prefeito, a gente percebe que Campo Grande sofreu muito nesses quatro anos, por uma falta de dialogo entre a Câmara e a Prefeitura, e que nesses primeiros quarenta dias de mandato, dos Vereadores, do Prefeito e da Vice-Prefeita, nós vimos uma nova concepção, uma nova ideia, vereadores fazendo parte das inaugurações, Prefeito vindo até a Câmara Municipal e isso só vai trazer ponto positivo para nós como povo Campo-Grandense.

Deurico/Capital News

Vereador Otávio Trad fala sobre os projetos e expectativas para o novo mandato

Com foco em áreas que estão interligadas a sua profissão, vereador quer estar como membro ou como participante em algumas comissões da Casa


O senhor falou na política jovem no Brasil, a política inteira está sendo renovada no País, o senhor é jovem, já vem de quatro anos como vereador, está para mais quatro anos, então na próxima eleição o senhor pretende concorrer a Deputado Federal, Deputado Estadual, tentar quem sabe uma ascensão política?

Vereador Otávio Trad – Olha, eu acho que essa questão ela tem que vir naturalmente, não adianta a gente dizer o que vai acontecer no ano que vem, lógico que todos que são vereadores um dia querem ser deputados e assim por consequência, mas não é o meu objetivo inicial, o meu objetivo hoje é fazer um mandato a altura dos votos que recebi na urna. Então não estou fazendo campanha, não estou pensando em fazer campanha para deputado, não vou sair visitando interior, mas vou focar o meu objetivo na minha função que é vereador de Campo Grande, e esse que vai ser o meu objetivo nesses próximos anos.


Além desses projetos que o senhor já tem apresentado e o projeto do FlexPark que vai ser apresentado, o senhor tem mais alguns outros projetos?

Deurico/Capital News

Vereador Otávio Trad fala sobre os projetos e expectativas para o novo mandato

Com foco em áreas que estão interligadas a sua profissão, vereador quer estar como membro ou como participante em algumas comissões da Casa

Vereador Otávio Trad – Nós estamos estudando alguns projetos aqui, com a assessoria, eu prefiro ainda não falar, porque nós não temos nada concreto, inclusive o projeto FlexPark ainda não foi apresentado, vai ser uma discussão, então, antes de falar sobre um determinado projeto, eu tenho que ter uma conclusão sobre ele.

Então, nós temos ideia para a Juventude, nós temos ideia para a Cultura aqui em Campo Grande, nós temos ideia para a Segurança com a implantação do vídeomonitoramento que vai ser uma cobrança que nós vamos fazer para o Prefeito Marquinhos, para expandir o vídeomonitoramento em Campo Grande, e fazer com que todas essas ideias que nós implantamos durante o mandato e durante a eleição, continuem sendo pauta aqui na Câmara durante o ano parlamentar.

 

Tiveram alguns projetos que trouxeram alegria para a população, como a Cidade do Natal, a população ia, por mais difícil que fosse chegar ao local, pois, não tinha transporte coletivo que passe por ali, mas as pessoas acabavam indo para prestigiar, e no final do ano passado, não teve. Toda a estrutura que foi realizada está completamente destruída, então seria uma coisa a resgatar, tentar fazer voltar a funcionar, não apenas esse, como diversos outros projetos espalhados pela cidade que acabaram sendo danificados ao longo desses quatro anos?

Ouça o áudio

Vereador Otávio Trad - Muito interessante você ter dado como exemplo a Cidade do Natal, porque a Cidade do Natal é um exemplo vivo, daquilo que Campo Grande estava vivendo, mal cuidada, sem gerência, sem administração, e quando a gente não tem a vontade administrativa de mudar ou de continuar, você acaba caindo, a Cidade do Natal não teve, porque ela não tinha condições de poder receber as pessoas, porque ela não teve os cuidados que precisava de um natal para o outro.

Ontem eu tive conversando com a Nilde Brum, secretária de Turismo, e ela disse que fez uma visita a Cidade do Natal, com a possibilidade de colocar a Feira do Artesanato ali, mas infelizmente, ela viu que ali não tem capacidade mais para poder receber, tendo em vista a deteriorização do local. Então, para que a gente possa o ano que vem, ter a Cidade do Natal de novo, vai ter que reconstruir a Cidade do Natal, porque ela estava caída, não tinha condições para receber a população, e era a maneira como Campo Grande estava indo.

 

Hoje a gente vê alguns parques mau cuidados também, algumas praças de Campo Grande, com mato alto, não dava pra você fazer a corrida que geralmente Campo-Grandense faz, então é um exemplo vivo daquilo que Campo Grande estava correndo.

 

 Veja também

  Vereador Otávio Trad analisa situação da Capital e primeiros quarenta dias de atuação da Prefeitura

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix