Campo Grande/MS, Segunda-Feira, 11 de Dezembro de 2017 | 19:50
27˚
(67) 3042-4141
Esporte
Segunda-Feira, 19 de Junho de 2017, 09h:29
Tamanho do texto A - A+

Em tarde de visitantes, Palmeiras e Atlético-MG voltam a vencer no Brasileirão

Com gol nos acréscimos, clássico Fla-Flu terminou igual no Maracanã

Rogério Vidmantas
Capital News

Agência Palmeiras

Em tarde de visitantes, Palmeiras e Atlético-MG voltam a vencer no Brasileirão

Roger Guedes comemora o primeiro gol do Palmeiras na Fonte Nova

Considerados favoritos no início do Campeonato Brasileiro, os irregulares Palmeiras e Atlético-MG, mesmo jogando fora de casa, voltaram a vencer nesta oitava rodada, que termina na noite desta segunda-feira. O Verdão, atual campeão, bateu o Bahia em Salvador e o Galo superou o São Paulo, mas ambos ainda seguem longe das primeiras posições. O Botafogo também venceu na casa do adversário e o clássico carioca Fla-Flu terminou sem vencedor.

 

No primeiro jogo do domingo, no Couto Pereira, Coritiba e Corinthians fizeram partida sem muitas emoções e gols. Com o empate, a liderança corinthiana, com 20 pontos, agora é provisória, já que o Grêmio, vice com 18, joga contra o Cruzeiro, no Mineirão, às 19h (MS) e, se vencer, assume a ponta.

 

Quatro jogos aconteceram à tarde. No Maracanã, o Fluminense saiu na frente do Flamengo no clássico carioca. Ainda no primeiro tempo, aos 36 minutos, Wendel marcou aproveitando lançamento de Gustavo Scarpa. O Rubro-negro reagiu na etapa final e empatou com Diego aos nove minutos. Aos 35 minutos, Richarlison foi derrubado na área. Artilheiro do Brasileirão, Henrique Dourado cobrou pênalti no canto recolocou o tricolor em vantagem, 2 a 1. No apagar das luzes, Trauco arriscou de longa distância e evitou a derrota rubro-negra com ajuda do “morrinho artilheiro”, fechando o placar em 2 a 2.

 

Na Arena Fonte Nova, o Palmeiras abriu o placar, aos 17 minutos, de pênaltis. Róger Guedes cobrou no canto direito de Jean e fez 1 a 0. Antes do intervalo, aos 44 minutos, o Bahia insistiu e, após duas defesas de Fernando Prass, Vinícius empurrou para o fundo das redes e empatou, 1 a 1. O Verdão voltou a liderar o marcador na etapa final. Aos três minutos, Keno soltou a bomba de fora da área e fez 2 a 1. Aos 37, Yerry Mina deixou o dele e ampliou a vantagem paulista para 3 a 1. O Bahia descontou com João Paulo aos 39, mas não conseguiu evitar a primeira derrota como mandante. Nos acréscimos, Willian fez o quarto do Palmeiras e fechou o marcador, 4 a 2.

 

Com gol logo no início, o Atlético-MG largou na frente do São Paulo no Morumbi logo aos oito minutos de jogo, com gol de Cazares. O Tricolor empatou na segunda etapa com um gol no primeiro minuto de Marcinho. Aos 35, Rafael Moura aproveitou falha da zaga paulista e garantiu o triunfo mineiro por 2 a 1. Na Arena Condá, o Botafogo venceu a Chapecoense com um gol em cada tempo.

 

Aos 28 minutos, Roger recebeu de Bruno Silva e, sozinho, empurrou para a rede vazia, 1 a 0. Na volta do intervalo, aos oito minutos, Rodrigo Pimpão fechou o marcador. Após cruzamento de Arnaldo, Pimpão aproveitou a furada do zagueiro Luiz Otávio e ampliou para o Alvinegro: 2 a 0.

 

No último jogo do domingo, o Vitória surpreendeu o Sport-PE, na Ilha do Retiro, e venceu por 3 a 1, jogando o adversário na zona de rebaixamento em seu lugar.

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix