Campo Grande/MS, Quarta-Feira, 15 de Agosto de 2018 | 01:19
27˚
(67) 3042-4141
Esporte
Quarta-Feira, 14 de Fevereiro de 2018, 07h:21
Tamanho do texto A - A+

Sem Rodrigo Grahl, Operário já está em Cuiabá para jogo decisivo da Copa Verde

Destaque no Comerário de sábado, atacante foi poupado pelo técnico Celso Rodrigues

Rogério Vidmantas
Capital News

Divulgação/OFC

Operário Viagem

Delegação do Operário viajou na noite desta terça feira para Cuiabá

 

O Operário já está em Cuiabá para a partida decisiva desta quinta-feira (15) pela Copa Verde. O Galo enfrenta o Cuiabá-MT e joga pelo empate para se classificar para as quartas de final, já que venceu a ida por 1 a 0 no Estádio Morenão. A delegação viajou na noite desta terça e deve fazer um treinamento de reconhecimento ainda nesta quarta na Arena Pantanal, local da partida.

Na delegação, o técnico Celso Rodrigues levou um desfalque considerável. O atacante Rodrigo Grahl, autor de três gols na goleada por 4 a 1 no clássico com o Operário no último sábado, ficou em Campo Grande, poupado devido ao desgaste no último jogo. Outra ausência pode ser do zagueiro Alisson Gaúcho, mas seu aproveitamento ou não só deve ser definido momentos antes da partida.

O bom desempenho no Comerário deve fazer Rodrigues manter a base do time contra o Cuiabá. Na vaga de Grahl podem entrar o meia Jullyan, jogando Igor Vilela e Jeferson Reis mais adiantados, ou ainda o atacante Giovani para atuar na frente ao lado de Jeferson. Wanderley, que entrou muito bem no clássico é outra opção considerada.

Empate ou derrota

A vitória em casa, a primeiro do Operário na competição e também a primeira de um time sul-mato-grossense nesta fase, pode fazer com que o Operário volte do Mato Grosso classificado mesmo com derrota. Além do empate, o Galo pode perder pela diferença de um gol em caso de também marcar que se classifica. Derrota por 1 a 0 leva a decisão da vaga para os pênaltis.

A arbitragem do jogo definida pela CBF será do Tocantins. Alisson Sidnei Furtado apita o jogo, com assistências de Fabio Pereira e Alvani Brito Nunes.

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix