Campo Grande/MS, Quarta-Feira, 23 de Agosto de 2017 | 08:06
27˚
(67) 3042-4141
Interior
Terça-Feira, 01 de Março de 2016, 10h:33
Tamanho do texto A - A+

Chuvas voltam a causar estragos em Mato Grosso do Sul

No município de Fátima do Sul, famílias deixam casas alagadas e perdem móveis por conta da enchente e fortes chuvas que voltam a trazer prejuízos em Mato Grosso do Sul

Myllena de Luca
Capital News

Jefferson Duarte/Fátima News

Chuvas voltam a causar estragos em Mato Grosso do Sul

Famílias deixam casas alagadas

A chuva volta a trazer estragos para Mato Grosso do Sul, desta vez a área rural está sendo afetada. De acordo com dados do Sistema de Informação Geográfica do Agronegócio (Siga), da Associação dos Produtores de Soja de Mato Grosso do Sul (Aprosoja), o índice está 12% abaixo do desempenho no mesmo período anterior. Em Fátima do Sul, Três Lagoas, Dourados e Miranda enfrentam problemas por conta do volume de chuvas.


Os agricultores de Dourados suspenderam a colheita de soja e plantio do milho segunda safra, feito logo após as colheitadeiras retirarem a oleaginosa das lavouras. No campo, o excesso da umidade aumenta os estragos e prejuízos atrasando assim a retirada da soja. De acordo com a estação agrometeorológica da Embrapa Agropecuária, o acúmulo de chuva em fevereiro foi de 143 milímetros com previsão de chuva nesta semana na região.


Rio Dourados

Dourados News

Chuvas voltam a causar estragos em Mato Grosso do Sul

Rio Dourados no limite do nível

Com as chuvas o Rio Dourados continua no limite. O rio chegou aos 6,40 metros acima do nível normal. No fim do ano passado foi necessário construir barreiras de contenção, na época a captação de água teve que ser interrompida por aproximadamente duas horas.


Fátima do Sul
A preocupação do momento tem sido a cidade de Fátima do Sul. No município casas foram alagadas e parte da MS 376 foi invadida e interditada. A situação é crítica e se o nível do Rio Dourados subir mais 40 centímetros pode invadir o poço que realiza a distribuição de água em parte da cidade, está sendo bombeada a água e monitorando também o nível do rio.


Na manhã da segunda-feira (29), o prefeito Júnior Vasconcelos, visitou os moradores da Vila dos Navegantes. Equipes das secretarias de Obras, Saúde e Assistência estão monitorando e auxiliando tanto os moradores que foram prejudicados como os veículos, que trafegam pela rodovia.


Aproximadamente 12 famílias retiraram os pertences com auxílio da equipe da secretaria de Obras. Algumas famílias ainda permanecem nas casas, as mesmas optaram por erguer os móveis.


A equipe da Vigilância Sanitária monitora as famílias desde a primeira enchente ocorrida em dezembro do ano passado. Na manhã de segunda-feira (29) visitaram o local para orientar os moradores.

 

Jefferson Duarte/Fátima News

Chuvas voltam a causar estragos em Mato Grosso do Sul

Prefeito acompanha ações

De acordo com o prefeito, as equipes das secretarias estarão auxiliando as famílias. “Vamos dar todo suporte para os moradores, sabemos das dificuldades, estamos acompanhando de perto e com fé em Deus estaremos ao lado das famílias auxiliando no que for necessário”, comentou Junior.


Três Lagoas
O volume do Rio Paraná está acima do esperado nos últimos dias. As comportas estão abertas desde a quarta-feira (24), porém com a intensidade do volume de água, fez com que locais mais baixos fossem invadidos.

 

Prefil News

Chuvas voltam a causar estragos em Mato Grosso do Sul

Nível do Rio Paraná subiu

De acordo com o Perfil News, não está descartada a possibilidade de que a Usina de Ilha Solteira também seja atingida com essa ação. A operação é obrigatoriamente determinada pelo Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS), inclusive quanto ao controle dos níveis dos reservatórios.

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix