Campo Grande/MS, Segunda-Feira, 20 de Agosto de 2018 | 08:14
27˚
(67) 3042-4141
Opinião
Quinta-Feira, 08 de Fevereiro de 2018, 18h:16
Tamanho do texto A - A+

Jogo sujo

Por Odilon de Oliveira*

Artigo de responsabilidade do autor
Envie seu artigo para opiniao@capitalnews.com.br

Como já alertei, a liderança de meu nome nas pesquisas de intenção de votos para governador passou a representar pesada ameaça contra eventuais concorrentes e quem desaprova meu perfil. As reações surgem sem es-crúpulos.

Deurico/Capital News

Odilon de Oliveira

Odilon de Oliveira – Juiz Federal

 

Os ataques surgem mediante insinuações ou invenções armadas em fedorentos esgotos de maldade. São vãs tentativas de afastamento da ameaça que minha história de coragem e dignidade representa. Minha firme dispo-sição, por mais de três décadas, combatendo grandes traficantes, sonegadores, cor-ruptos, contrabandistas e outros meliantes, garante que esse tipo de expediente não me intimida nem me muda a direção.


Descobriu-se, agora, no mesmo esgoto, por revelação confidencial contendo nomes de participantes do engodo, incluindo ex-policiais, uma armação em andamento para envolver minha pessoa em fatos de aparência criminosa. Dessa trama diabólica faria parte, segundo o informante, a cooptação de pessoas, inclusive de uma mulher, destinatárias de decisões proferidas como juiz federal, para gravarem ou assinarem declarações incriminadoras.


“Aparta-te do mal e pratica o bem” – Salmos

 

 

*Odilon de Oliveira
Juiz federal aposentado

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix