Campo Grande/MS, Quinta-Feira, 22 de Fevereiro de 2018 | 03:06
27˚
(67) 3042-4141
Polícia
Quarta-Feira, 14 de Fevereiro de 2018, 07h:49
Tamanho do texto A - A+

Jovem com extensa ficha criminal mata o marido

Mulher, de 26 anos, foi presa em flagrante pelo assassinato

Laura Holsback
Capital News

Danielly Vicente Azambuja, de 26 anos, matou o companheiro Gilberto Carvalho da Silva, de 41 anos, a facadas nesta segunda-feira (12), na casa onde moravam no bairro alto da Boa Vista, em Três Lagoas. De acordo com informações, a jovem que atuava como cabeleireira tem extensa ficha criminal.

 

Segundo o site JP News, consulta no Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul revela que Danielly foi indiciada em sete inquéritos policiais, entre 2011 e o ano passado - a maioria por tráfico de drogas - e que ficou presa em 2016. Um dos casos é de falso testemunho.

 

Apesar do indiciamento, Danielly respondia aos processos em liberdade desde que foi beneficiada por uma decisão judicial, em 2017, para deixar o presídio feminino. Ela havia sido flagrada com maconha e quebrado objetos da unidade prisional ao ser conduzida a uma cela por agentes. 

 

Todas as denúncias contra ela foram recebidas pela Justiça e ao menos duas estão em fase de recurso. A reportagem não conseguiu contato com advogados e defensores públicos nomeados para acompanhamento de processos. 

 

Danielly foi levada ao presídio feminino de Três Lagoas após prestar depoimento à Polícia Civil sobre a morte de Gilberto. Ela declarou ter atacado o marido a golpes de faca após ser agredida.

 

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix