Campo Grande/MS, Quinta-Feira, 21 de Março de 2019 |
27˚
(67) 3042-4141
Polícia
Sexta-Feira, 15 de Março de 2019, 09h:54
Tamanho do texto A - A+

Moradores denunciam e SIG fecha “boca de fumo” que aterrorizava a região

Morador foi preso em flagrante e era fugitivo do sistema prisional do Estado

Renato Giansante
De Dourados para o Capital News

Divulgação/SIG

Moradores denunciam e SIG fecha “boca de fumo” me aterrorizava a região

Drogas e objetos encontrados durante o flagrante dos policiais

Um foragido do sistema prisional foi capturado na tarde desta quinta-feira (14) após denúncia de diversos moradores do Conjunto Habitacional Estrela Porã, em Dourados, sobre um ponto de venda de drogas que estava aterrorizando o bairro.

 

A polícia recebeu até mesmo uma carta anônima relatando o caso e relatava que o local passou a ter vários furtos após a abertura dessa “boca de fumo” que atraia vários estudantes, visto que há proximidade de uma escola.

 

Na tarde desta quinta-feira, a Polícia Civil, através do Setor de Investigações Gerais (SIG), fazia o monitoramento do ponto denunciado e percebeu a entrada e saída de uma pessoa na residência em poucos segundos, caracterizando ser um possível usuário.

 

Ao ser abordado, o suspeito dispensou a droga, mas acabou revelando ter comprado porções de crack por R$ 20. Diante da situação de flagrância, os policiais entraram no imóvel e identificaram o morador como sendo fugitivo do sistema prisional. Com ele, escondido na cueca, estavam 40 porções de crack, uma pedra dessa substância e outra de cocaína, além de porções de maconha.

 

Também foram encontrados cerca de R$ 500 em cédulas de R$ 2, R$ 5 e R$ 10, que para a polícia caracteriza a venda de pequenas porções de drogas. Muitos bens de procedência duvidosa também foram apreendidos, tais como uma televisão de 60 polegadas 4k, aparelho de som avaliado em R$ 6 mil, eletrodomésticos e eletroeletrônicos diversos, provavelmente furtados e trocados por drogas.

 

O SIG fez a prisão em flagrante e ressaltou que além de o tráfico de drogas ser uma atividade que só por si demonstra-se extremamente danosa, essa prática apresenta-se como impulsionadora da prática de furtos, roubos, homicídios e outros crimes de acentuada gravidade, o que estava acontecendo naquela região.

 

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix