Campo Grande/MS, Quarta-Feira, 19 de Dezembro de 2018 |
27˚
(67) 3042-4141
Polícia
Quinta-Feira, 06 de Dezembro de 2018, 17h:28
Tamanho do texto A - A+

PMA autua pecuarista em R$ 38 mil por desmatamento ilegal de 38 hectares

O local estava sendo preparado para formação de pastagens, sem a licença ambiental

Leonardo Barbosa
Capital News

PMA/Divulgação

PMA autua pecuarista em R$ 38 mil por desmatamento ilegal de 38 hectares

O autor responderá por crime ambiental, que prevê pena de três a seis meses de detenção

Policiais Militares Ambientais de Batayporã realizaram nesta quinta-feira (6) vistoria em área desmatada ilegalmente em uma propriedade rural, localizada no município e verificaram que um fazendeiro suprimiu 38 hectares de vegetação nativa, medidos em GPS e constatados também com imagens de Drone. O local estava sendo preparado para formação de pastagens, sem a licença ambiental. Parte da madeira produto do desmatamento das espécies farinha-seca, faveiro e pau-terra, ainda estavam no local.

 

 

O infrator de 62 anos, residente em Anaurilândia, foi autuado administrativamente e recebeu multa administrativa de R$ 38.000,00. As atividades foram interditadas. Ele responderá por crime ambiental, que prevê pena de três a seis meses de detenção. O infrator também foi notificado a apresentar um Plano de Recuperação da Área Degradada e Alterada (PRADA) junto ao órgão ambiental estadual.

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix