Campo Grande/MS, Segunda-Feira, 19 de Novembro de 2018 |
27˚
(67) 3042-4141
Política
Terça-Feira, 11 de Setembro de 2018, 15h:36
Tamanho do texto A - A+

Com Lula impedido pela Justiça, PT define Haddad como candidato a presidente

Executiva nacional do PT se reuniu nesta terça (11) para tratar o assunto. Justiça deu um prazo até hoje para o partido informar o substituto

Flávio Veras
Capital News

Agencia Brasil

Com Lula impedido pela Justiça, PT define Haddad como candidato a presidente

Haddad já estava percorrendo o país em campanha

Alguns deputados do Partido do Trabalhadores (PT) confirmaram em suas redes sociais Fernando Haddad como candidato à Presidência no lugar do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. A executiva nacional do PT marcou uma reunião no início da tarde desta terça-feira (11) em Curitiba para tratar do tema.

 

A candidatura de Lula foi rejeitada pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), com base na Lei da Ficha Limpa. Lula está preso desde abril em Curitiba, após ter sido condenado em segunda instância no processo do triplex do Guarujá.

 

No entanto, o PT havia escolhido Lula como candidato, mesmo preso, e Haddad como vice. A decisão do TSE, do final de agosto, determinou que o partido tinha 10 dias para escolher um substituto para o ex-presidente. O prazo vence nesta terça.

 

Haddad, foi ministro da Educação no governo Lula e prefeito de São Paulo e já está percorrendo o país em campanha eleitoral.

 

Na pesquisa Datafolha divulgada nesta segunda-feira (10), a primeira desde que o TSE rejeitou a candidatura de Lula, Haddad apareceu com 9%, tecnicamente empatado em segundo lugar com Ciro Gomes (PDT), Marina Silva (Rede) e Geraldo Alckmin (PSDB). Jair Bolsonaro (PSL) lidera as intenções de voto, com 24%.

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix