Campo Grande/MS, Sábado, 16 de Dezembro de 2017 | 21:19
27˚
(67) 3042-4141
Política
Quarta-Feira, 06 de Dezembro de 2017, 10h:11
Tamanho do texto A - A+

Educadoras participam de projeto para construção dos planos do PTB para 2018

Comissões da militância de mulheres do partido reuniu diretoras, professoras e presidentes dos Ceinfs

Flávio Brito
Capital News

 

Assessoria/Divulgação

Educadoras participam participam de projeto para construção dos planos do PTB para 2018

Participantes do encontro na sede do partido na Capital

Comissões da militância de mulheres do Partido Trabalhista Brasileiro (PTB) reuniu educadoras para o projeto “Dedo de Prosa”. Para Fátima Souza, presidente do PTB Mulher municipal, o objetivo do encontro é colocar o ensino em discussão, desde o básico até a formação acadêmica. Após a posse das comissões, no dia 14 de novembro, as mulheres ganharam força e apoio de mais mulheres que atuam em diferentes segmentos, divulgou a legenda, em nota enviada à imprensa.

 

“Percebe-se uma diferença entre o ensino público e particular, temos que mudar esse quadro, já foi comprovado por inúmeras pesquisas a importância da Primeira Infância, fase que vai da gestação até os 6 anos de idade, para o desenvolvimento da criança portanto estamos discutindo como podemos mudar esse cenário e de que forma podemos ajudar”, finaliza.  

 

O encontro ocorreu na sede do Diretório Estadual do partido em Campo Grande, com a participação de diretoras, professoras e presidentes dos Centros de Educação Infantil (Ceinfs) foi uma manhã de interação e abordou a importância da Educação de qualidade, consequentemente discutindo a atuação das mulheres na política, com foco nas eleições de 2018.

 

Para Maria Thereza Trad, presidente da Comissão Estadual de mulheres do partido, a participação das mulheres é essencial. “Política é ter sensibilidade, principalmente se tratando de Educação. As mulheres são fortes, guerreiras, mas também sensíveis às questões humanas. O Brasil estaria bem melhor se tivesse uma maior participação das mulheres na política, veríamos pontos como a Educação, Saúde, Qualidade de Vida com mais atenção, temos um olhar mais humano. Precisamos lutar por espaço, mostrar do que somos capazes, e que estamos aqui para somar”, ressaltou.

 

1 COMENTÁRIO:

Esperamos que o projeto de assistentes sociais nas escolas e Ceinf seje aprovado,nos assistentes social temos um olhar amplo que irá ajudar muito no desenvolvimento das criancas e adolescentes principalmente coibir violências sexual e mal tratos,muitos educadores da educação não tem como ajudar essas criancas
enviado por: Deusceumarly Rodrigues Barbosa Pereira em 07/12/2017 às 08:42:53
0
 
0
responder

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix