Campo Grande/MS, Domingo, 20 de Maio de 2018 | 13:45
27˚
(67) 3042-4141
Política
Terça-Feira, 13 de Março de 2018, 12h:15
Tamanho do texto A - A+

Em clima de pessimismo, 7 em cada dez eleitores vão votar no candidato que gostam

Entre os que fazem questão de observar a legenda, o PT lidera e tem a preferência de 19% dos eleitores

Flávio Brito
Capital News

Pesquisa do Ibope encomendada pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), divulgada nesta terça-feira (13), mostra que  7 em cada dez  brasileiros (48%) estão dispostos a votar nos candidatos que gostam, independente do partidos que estejam filiados; Apesar disso, 64% considera importante observar a legenda.  O levantamento, encomendado pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), ouviu 2 mil pessoas em 127 municípios entre os dias 7 e 10 de dezembro do ano passado. 

 

Ainda segundo a pesquisa, que faz questão de escolher pela sigla, o Partido dos Trabalhadores (PT)  é o partido político com a maior simpatia entre os brasileiros. 

 

Segundo o Ibope, o PT lidera a preferência ou a simpatia da população, com 19% dos entrevistados. Bem mais atrás estão os dois principais partidos que arquitetaram o golpe parlamentar de 2016, MDB (7%) e o PSDB (6%). 48% dos entrevistados disseram não possuir preferência ou simpatia por nenhum partido político.

 

A pesquisa CNI/Ibope também mostrou que 44% dos eleitores se disseram "pessimistas" com a eleição presidencial deste ano. 20% dos entrevistados afirmaram estar "otimistas" com o pleito e outros 22% disseram não estar nem otimistas nem pessimistas.

Dentre aqueles que se disseram pessimistas com a eleição, 30% apontaram, de forma espontânea, a corrupção como principal motivo.

 

Outros 19% mencionaram a perda de confiança no governo e nos candidatos; 16% apontaram a falta de opções entre os pré-candidatos; e outros 11% citaram o fato de serem sempre os mesmos candidatos concorrendo, sem possibilidade de mudança ou de renovação.

 

Já entre os que se disseram otimistas, o principal motivo apontado foi a possibilidade de mudança e renovação (32%). Outros 19% citaram a esperança no voto ou na participação popular.

 

Promessas de campanha

A pesquisa também questionou os entrevistados sobre a opinião deles em relação à frase: "Eu acredito nas promessas de campanha dos candidatos". Dentre os entrevistados, 75% discordaram totalmente ou em parte da frase. Outros 24% disseram concordar totalmente ou em parte com a frase.

 

Características do candidato

Outro ponto abordado na pesquisa diz respeito ao que os entrevistados consideram características importantes para um candidato à Presidência. Para 87% deles, a principal delas é ser honesto e não mentir na campanha.

 

Já 84% dos entrevistados apontam como característica importante nunca ter se envolvido em qualquer esquema corrupção. 82% disseram que o candidato precisa transmitir confiança e 78% apontaram a importância de o candidato ter pulso firme e ser decidido.

 

O Ibope também questionou os 2 mil entrevistados sobre a seguinte questão: votariam em candidatos honestos, mas que proponham políticas com as quais as pessoas não concordam ou votariam em candidatos acusados de corrupção, mas que pensem como o entrevistado.

 

66% dos entrevistados disseram preferir votar em um candidato honesto que defenda políticas com as quais eles não concordam. Já 19% afirmaram que preferem votar em um candidato acusado de corrupção, mas que pense como eles.

 

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix