Campo Grande/MS, Terça-Feira, 21 de Novembro de 2017 | 19:45
27˚
(67) 3042-4141
Política
Quinta-Feira, 18 de Maio de 2017, 18h:55
Tamanho do texto A - A+

Guerreiro solicita a senador Moka liberação de recursos para conclusão de obras em Três Lagoas

Prefeitura já gastou mais de R$ 800 mil em recursos próprios com obras em infraestrutura

Gian Nascimento
De Três Lagoas para o Capital News

O prefeito de Três Lagoas, Angelo Guerreiro, solicitou nesta quinta-feira (18) ao senador Waldemir Moka (PMDB/MS) a liberação de recursos para conclusão de obras em andamento e quitação daquelas realizadas com recursos municipais. Guerreiro cumpre agenda em Brasília, onde participou de reunião com o presidente da República, Michel Temer, e encontros com parlamentares.

Gian Nascimento/Capital News

Guerreiro solicita a senador Moka liberação de recursos para conclusão de obras em Três Lagoas

Guerreiro cumpre agenda em Brasília, onde busca recursos para Três Lagoas

 

Entre as obras ainda sem a quitação, está da reforma do Ginásio de Esportes de Três Lagoas, que, sem a segunda parcela dos recursos, ainda não teve o pagamento do serviço realizado, apesar de já estar totalmente concluído. Outra obra que ainda não recebeu os recursos programados pelo Governo Federal é da infraestrutura urbana do Jardim Dourados incluindo pavimentação e drenagem, onde 44% já foi executada com recursos próprios da Prefeitura que chegam a R$ 821,7 mil.

Conforme a Prefeitura, o município necessita da liberação da parte dos recursos referente à União para que o serviço não seja interrompido. “A paralisação dessas obras trará mais prejuízos para os cofres públicos e consequentemente mais sofrimento também para a população que aguarda o fim do serviço. Para evitar mais esse transtorno fomos em busca dos recursos e esperamos que isso aconteça o mais rapidamente possível até mesmo para acelerar o trabalho”, disse Angelo Guerreiro.


Foto: Gian Nascimento
Legenda: Guerreiro cumpre agenda em Brasília, onde busca recursos para Três Lagoas

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix