Campo Grande/MS, Domingo, 20 de Agosto de 2017 | 05:43
27˚
(67) 3042-4141
Política
Sábado, 07 de Janeiro de 2017, 09h:34
Tamanho do texto A - A+

Luiza Ribeiro deixa cargo em secretária do Ministério da Cultura após uma semana

Segundo Luiza, compromissos profissionais e pessoais em Campo Grande impossibilitariam sua mudança para Brasília

Liniker Ribeiro
Capital News

Nomeada secretária da Cidadania e Diversidade Cultural do Ministério da Cultura na semana passsada, a ex-vereadora de Campo Grande, Luiza Ribeiro, afiliada ao PPS, pediu demissão do cargo na última quinta-feira (05).

O pedido foi aceito pelo ministro da Cultura, Roberto Freire, horas depois de o site O Globo revelar antigas publicações de Luiza, em seu perfil nas redes sociais, nas quais chamava o mininistério peemedebista de “corrupto” e “conservador”, e pedia “Fora Temer” como forma de protesto. 

Em uma de suas publicações, no dia 23 de maio de 2016, Luiza cita Temer como sucessor constitucional de Dilma e diz não se identificar com seu governo. “Na Executiva Nacional me posicionei no sentido de não integramos Governo Temer, em razão de inexistir qualquer liame de construção política. Temer é sucessor constitucional de Dilma. Não temos identidade com esse Governo", escreveu.

 


O Capital News tentou contato com ex-vereadora, Luiza Ribeiro, na manhã deste sábado (07), mas nossas ligações não foram atendidas até a publicação desta matéria. Em contrapartida, em seu perfil oficial em uma rede social, Luiza justificou o motivo do pedido de demissão e agradeceu Roberto Freire pela indicação.

“Não tive como me desfazer de compromissos profissionais e pessoais que tenho em CG, pois teria que me transferir integralmente para Brasília onde cumpria expediente diário. Assim, preferi solicitar meu desligamento e não assumir as funções para as quais fui nomeada.

 

 

Agradeci ao Ministro Roberto Freire pela indicação”, escreveu Luiza.

 

 Saiba mais

  Vereadora Luiza Ribeiro é nomeada secretária da Cidadania do Ministério da Cultura

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix