Campo Grande/MS, Terça-Feira, 26 de Setembro de 2017 | 16:07
27˚
(67) 3042-4141
Política
Quinta-Feira, 16 de Março de 2017, 16h:59
Tamanho do texto A - A+

Reforma do Governo reduz secretarias e corta mil cargos comissionados

Redução de secretarias de 13 para 10 foi publicada no Diário Oficial do Estado

Flavia Andrade
Capital News

Deurico/Capital News

Reforma do Governo reduz secretarias e corta mil cargos comissionados

Redução de secretarias de 13 para 10 foi publicada no Diário Oficial do Estado

A reforma administrativa reduziu o número de secretarias de 13 para 10, além de mexer com subsecretarias e permitir o corte de 1 mil cargos comissionados e temporários. A lei que reorganiza a estrutura administrativa promovida pelo governador, Reinaldo Azambuja, foi publicada no Diário Oficial do Estado nesta quinta-feira (15). 

 

Conforme a lei, as secretarias da Casa Civil, de Habitação e de Produção e Agricultura Familiar foram extintas e fundidas em outras pastas. A Casa Civil foi incorporada a Secretaria de Governo e Gestão Estratégica (Segov), a Sectei (Secretaria de Estado de Cultura, Turismo, Empreendedorismo e Inovação) foi desmembrada passando a chamar-se SEC (Secretaria de Estado de Cultura e Cidadania) 

 

Uma nova subsecretaria foi criada para atender a diversidade, denominada Subsecretaria de Políticas Públicas LGBT. As Fundações de Turismo (FundTur) e de Apoio ao Desenvolvimento do Ensino, Ciência e Tecnologia do Estado e do MS (Fundect), passam a integrar a Secretaria de Estado de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar. 

 

De acordo com o Governo, o objetivo é assegurar a estabilidade financeira do Estado, garantindo economia de R$ 134 milhões ao orçamento estadual 2017. A economia será decorrente da redução de cerca de 1 mil cargos, entre comissionados e temporários, da revisão de contratos com fornecedores e da otimização de espaços físicos. 

 

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix