Campo Grande/MS, Segunda-Feira, 18 de Junho de 2018 | 01:50
27˚
(67) 3042-4141
Política
Quinta-Feira, 14 de Junho de 2018, 08h:54
Tamanho do texto A - A+

Regras para a compra e entrada com alimentos em cinemas serão analisadas na Câmara

Vereadores de Campo Grande votam seis projetos de lei na sessão desta quinta-feira

Flávio Brito
Capital News

Izaías Medeiros/Câmara de Vereadores

Regras para a compra e entrada com alimentos em cinemas serão analisadas na Câmara

Vereadores devem deliberar sobre doação de área como parte de programa de incentivo fiscal

Os vereadores da Câmara Municipal de Campo Grande votam, na sessão ordinária desta quinta-feira (14), seis projetos de lei. A sessão será realizada a partir das 9h no Plenário Oliva Enciso, na sede da Casa de Leis, localizada na avenida Ricardo Brandão, 1.600 - bairro Jatiúka Park.

 

Em única discussão e votação, serão analisados dois projetos do Poder Executivo. O primeiro, de nº 8.893/18, autoriza a doação de imóvel público, com encargos, e concede a redução de tributos à empresa TDC Engenharia Eireli, no âmbito do Programa de Incentivos para o Desenvolvimento Econômico e Social de Campo Grande (Prodes), e o segundo, n 8.894/18, autoriza a doação de imóvel público, com encargos, e concede a redução e isenção de tributos à empresa Cervejaria Navarro LTDA, também no âmbito do Prodes.

 

Já em segunda discussão e votação, os vereadores apreciam o projeto de lei 8.794/17, do vereador André Salineiro, que denomina de “Gertrudes Dodero” o corredor público municipal localizado no bairro Núcleo Industrial.

 

Mais três propostas serão analisadas em primeira discussão e votação. O projeto de lei 8.800/17, que dispõe sobre a permissão do ingresso de alimentos e bebidas adquiridos em outros estabelecimentos, pelos consumidores, nos cinemas e teatros situados no município, de autoria dos vereadores William Maksoud, Otávio Trad e João César Mattogrosso; o projeto de lei 8.810/17, do vereador Chiquinho Telles, que denomina de Marcos Aurélio Rodrigues Sedassari, o prédio anexo da Central de Atendimento ao Cidadão; e o projeto de lei 8.822/18, que autoriza o Executivo Municipal a instituir o cartão de identificação para pessoa com Transtorno do Espectro Autista e demais deficiências. A proposta é de autoria do vereador Carlão.

 

Palavra Livre 

Durante a sessão, usará a Palavra Livre Naína Dibo, que discorrerá sobre o Transtorno do Espectro Autista.

 

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix