Campo Grande/MS, Sábado, 26 de Maio de 2018 | 10:07
27˚
(67) 3042-4141
Política
Sábado, 12 de Maio de 2018, 10h:59
Tamanho do texto A - A+

Vereador denuncia que projeto de UPA-VET pode não sair do papel

A afirmação foi que a unidade que seria para prestar socorro a animais é usada como palanque eleitoral

Laura Holsback
Capital News

O vereador Veterinário Francisco (PSB) denunciou a público que a UPA-VET está sendo usado como palanque eleitoral para as eleições estaduais. A declaração foi feita durante sessão, na Câmara Municipal de Campo Grande, na quinta-feira (10). 

 

Divulgação/Câmara dos vereadores

Vereadores instituem Dia Municipal de Combate à Corrupção

 

“Tem muitas pessoas, inclusive da equipe do Marquinhos Trad que não quer que a UPA Veterinária saia do papel. Que as coisas não andem. Tem muita gente também que estão fazendo da UPA Veterinária palanque político. Isso é uma coisa que não condiz com o bem estar animal”, explica o parlamentar.

 

A construção da Unidade de Pronto Atendimento Veterinário está sendo discutida desde 2005 quando foi aprovado um projeto de autorização na Câmara de vereadores para que fosse construída a unidade. Em março, o prefeito Marquinhos Trad (PSD) anunciou durante evento no CCZ (Centro de Controle de Zoonoses) a construção com entrega em até seis meses.

 

De acordo com o veterinário Francisco, a causa animal avançou na gestão de Marquinhos Trad, mas ainda tem pessoas que querem travar os projetos. “Eu tenho que parabenizar o prefeito pelas grandes mudanças que ele vem fazendo por Campo Grande, inclusive na causa animal, mas só que tem um problema. Está faltando as coisas acontecerem. Tem muita gente segurando o carro. Tem muita gente não deixando o carro andar. Tem deputado estadual e outras pessoas falando o que não e realidade.  Tem emendas que não saem do papel e que não vão sair”, argumenta. 

 

Atualmente, a UPA Veterinária já tem recursos na ordem de R$ 1 milhão previsto na LOA para ser utilizado no ano de 2018 e mais R$ 200 mil referente à castração de cães e gatos, além de R$ 80 mil reais de emenda parlamentar estadual.

 

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix