Campo Grande/MS, Segunda-Feira, 27 de Maio de 2019 |
27˚
(67) 3042-4141
Saúde
Sexta-Feira, 08 de Março de 2019, 10h:51
Tamanho do texto A - A+

Prefeitura lança aplicativo para agendamento de consultas em quatro unidades de saúde

Buscando agilizar o atendimento, aplicativo pode ser baixado em qualquer aparelho celular

Flavia Andrade
Capital News

Divulgação

Prefeitura lança aplicativo para agendamento de consultas em quatro unidades de saúde

Buscando agilizar o atendimento, aplicativo pode ser baixado em qualquer aparelho celular

 

O aplicativo Meu DigiSus já está disponível para plataforma móvel de serviços digitais oficial do Ministério da Saúde, para pacientes de quatro unidades de saúde de Campo Grande. Através deste aplicativo, será possível realizar o agendamento e cancelamento de consultas na atenção básica.

 

O sistema está disponível para smartphones IOS e Android, e permite ao usuário monitorar o agendamento de exames e procedimentos controlados pelo Sistema de Regulação (SISREG) e pelo sistema da Atenção Básica e-SUS AB, assim como as consultas.

 

O usuário terá informações pessoais e clínicas contidas em cerca de 12 sistemas através do aplicativo Meu DigiSUS entre eles: o Cadastro Nacional de Usuário do SUS (CADSUS), Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde (CNES), Programas do Farmácia Popular, Sistema Nacional de Transplantes (SNT), Sistema de Regulação (SISREG), Sistema de Atenção Básica (e-SUS AB) e Hemovida.

 

Para o secretário de Saúde Marcelo Vilela, a adesão à ferramenta tem por objetivo de possibilitar maior comodidade e reduzir burocracias. “Hoje, o uso das tecnologias se faz cada vez mais necessário e na saúde não poderia ser diferente. Apesar de todas as dificuldades que ainda temos quando falamos de tecnologia de informação, existem ferramentas que facilitam o processo de trabalho e essa interação. Portanto é necessário investirmos cada vez mais para avançarmos neste sentido”, afirma.

 

Neste primeiro momento estão disponíveis o acompanhamento e cadastro de serviços através da ferramenta, com o sistema em funcionamento nas Clínicas da Família do bairro Nova Lima e Portal Caiobá e nas Unidades Básicas de Saúde da  Família (UBSFs) Oliveira e Iracy Coelho. 

 

Para ter acesso ao sistema basta realizar o cadastro utilizando os dados do cartão SUS.

 

A expectativa da prefeitura é de que ainda neste mês de março as unidades de saúde do Parque do Sol, Dona Neta, Botafogo, Estrela do Sul, Estrela Dalva e Coronel Antonino estejam interligadas através do sistema. E ainda, segundo a Secretaria Municipal de Saúde, até o fim de 2019, as 68 unidades básicas e de saúde da família de Campo Grande devem estar integradas.

 

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix