Campo Grande/MS, Domingo, 15 de Dezembro de 2019 |
27˚
(67) 3042-4141
Colunistas
Terça-Feira, 25 de Junho de 2019, 17h:12
Tamanho do texto A - A+
Colunistas

Bolsonaro sobre lei do Senado: “querem me deixar como rainha da Inglaterra?”

Por Marco Eusébio

Da coluna Entrelinhas da Notícia
Artigo de responsabilidade do autor

Foto Divulgação e imagem TV Globo

ColunaMarcoEusébio

Hoje à imprensa, Bolsonaro reclamou do projeto das agências: 'querem me deixar como rainha da Inglaterra?'

Jair Bolsonaro reclamou neste sábado (22) do projeto do Senado que institui a nova Lei Geral das Agências Reguladoras, que reduz o poder do presidente para escolher dirigentes desses órgãos. Hoje cabe ao presidente escolher todos os integrantes dessas agências - qualquer brasileiro de reputação ilibada, formação universitária e elevado conhecimento – precisando depois de aprovação do Senado. Pela nova lei, o presidente vai escolher os nomes a partir de uma lista tríplice a ser indicada por comissão nomeada pelo próprio presidente. Bolsonaro, que afirma que as agências são um "poder paralelo" que travam as ações dos ministérios, tem até terça-feira para sancionar ou vetar o projeto.

"Me informaram agora que foi aprovado na Câmara o projeto que faz com que a indicação dos integrantes das agências passe a ser privativo do Parlamento. Eu não posso mais indicar. Por exemplo, eu indiquei há pouco uma pessoa para a Anvisa. Bem, se isso aí se transformar em lei, todos foram indicados por parlamentares. Imaginem qual o critério que eles vão adotar. Acho que precisa complementar. Pô, querem me deixar como rainha da Inglaterra? Não sei. Esse é o caminho certo?" disse o presidente à imprensa em áudio divulgado pela TV Globo.

O texto final aprovado no Senado em maio conforme aqui publicado, proíbe a indicação de políticos e parentes para as agências reguladoras (texto que havia sido colocado pela Câmara em 2018), além de prever perda de mandato de diretores que violarem a lei, práticas para prevenir riscos e corrupção e outras medidas que aumentam a autonomia das agências.

 

 

   Leia a coluna de hoje clicando aqui em Marco Eusébio in Blog

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix