Campo Grande/MS, Segunda-Feira, 10 de Agosto de 2020 |
27˚
(67) 3042-4141
Colunistas
Sábado, 11 de Julho de 2020, 10h:23
Tamanho do texto A - A+
Colunistas

Candidato bolsonarista desiste de disputar reitoria da UFMS após denúncia de plágio

Por Marco Eusébio

Da coluna Entrelinhas da Notícia
Artigo de responsabilidade do autor

Jornal da Hora/Reprodução

ColunaMarcoEusébio

Professor Augustin Malzac retirou sua candidatura a reitor da UFMS após denúncia de plágio

Após denúncia de plágio de sua chapa feita à comissão eleitoral da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS), o professor do curso de Medicina, Augustin Malzac retirou sua candidatura ao cargo de reitor da instituição. Embora pouco conhecido, o médico que já atuou nas Forças Armadas tinha boas chances de ser nomeado pelo governo federal se o nome dele chegasse a constar na lista tríplice a ser enviada ao MEC, por ser considerado bolsonarista e ter amizade com militares que integram a gestão de Jair Bolsonaro, informa o Correio do Estado. Conforme o jornal (leia aqui), a denúncia foi feita pela chapa "Todos Somos + UFMS" do atual reitor Marcelo Turine, que disputa a reeleição com a vice-reitora Camila Itavo, e apontou que parte do programa de gestão de Malzac foi copiada sem qualquer alteração da chapa Juntos pela UFF, que disputa o comando da Universidade Federal Fluminense (UFF) no Rio de Janeiro. Depois disso, diz o jornal, a professora Marta Nunes, que era vice de Malzac, enviou mensagem aos colaboradores anunciando sua saída da chapa junto com Malzac por entenderem que foi antiético o plágio cometido pela equipe de campanha. A assessoria de imprensa da UFMS confirmou há pouco aqui ao Blog a desistência da "chapa 4", mas ainda aguarda o comunicado oficial da comissão eleitoral. Marcada para o dia 17 de julho (leia aqui), a eleição da UFMS agora conta fica com quatro chapas na disputa.

 

 

LEIA A COLUNA DE HOJE CLICANDO AQUI EM MARCO EUSÉBIO IN BLOG

 

 



 


 

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix