Campo Grande/MS, Domingo, 27 de Setembro de 2020 |
27˚
(67) 3042-4141
Colunistas
Domingo, 09 de Agosto de 2020, 09h:13
Tamanho do texto A - A+
Colunistas

Fabrício Queiroz depositou R$ 72 mil nas contas de Michelle Bolsonaro, diz revista

Por Marco Eusébio

Da coluna Entrelinhas da Notícia
Artigo de responsabilidade do autor

Rovena Rosa/Agência Brasil

ColunaMarcoEusébio

Depósitos feitos por meio de 21 cheques na conta de Michelle entre 2007 e 2018 totalizam R$ 72 mil, diz Crusoé

Dados da quebra do sigilo bancário de Fabrício Queiroz, divulgados hoje a revista Crusoé, apontam que ele depositou 21 cheques, totalizando R$ 72 mil, na conta da atual primeira-dama Michelle Bolsonaro, quando era assessor do então deputado e hoje senador Flávio Bolsonaro, na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro. O valor é bem maior do que os R$ 24 mil identificados inicialmente no relatório do Coaf sobre movimentações atípicas na conta de Queiroz, ou os R$ 40 mil que o presidente Jair Bolsonaro disse, em dezembro do ano passado, ter emprestado ao ex-assesssor do filho, ao justificar os depósitos. O jornal O Globo diz que confirmou os números e informa que os depósitos foram feitos entre os anos de 2007 e 2018, período da quebra de sigilo do ex-assessor autorizado pela Justiça do Rio. A Folha de S.Paulo, que também teve acesso aos dados, acrescentou que Michelle também recebeu dinheiro da mulher de Queiroz, Márcia Aguiar, que também teve o sigilo bancário quebrado e, segundo o jornal, teria depositado mais R$ 11 mil na conta da atual primeira-dama em 2011, por meio de quatro cheques. O Planalto ainda não se manifestou sobre o assunto.

 

 

LEIA A COLUNA DE HOJE CLICANDO AQUI EM MARCO EUSÉBIO IN BLOG

 

 



 


 

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix