Campo Grande/MS, Segunda-Feira, 17 de Fevereiro de 2020 |
27˚
(67) 3042-4141
Colunistas
Domingo, 26 de Janeiro de 2020, 11h:09
Tamanho do texto A - A+
Colunistas

MPF denuncia Greenwald e hackers que invadiram celulares da Lava Jato

Por Marco Eusébio

Da coluna Entrelinhas da Notícia
Artigo de responsabilidade do autor

Vinícius Loures/Agência Câmara

ColunaMarcoEusébio

Gilmar Mendes proibiu que Gleen seja investigado, mas MPF diz que dono de Intercept não foi alvo das investigações

O Ministério Público Federal denunciou na terça (21) à Justiça o dono The Intercept, Gleen Greenwald, e seis investigados na Operação Spoofing que apura o roubo de mensagens de celulares de autoridades da Lava Jato e do ex-juiz Sérgio Moro, divulgadas pelo site. Como o ministro Gilmar Mendes, do Supremo, proibiu em agosto que o jornalista fosse investigado, a pedido do partido Rede, o MPF frisa que Gleen não era alvo das investigações, mas na análise de um computador apreendido na casa do hacker Walter Delgatti Netto, o Vermelho, foi encontrado um áudio de conversa dele com Luiz Molição. "Nesse momento, Molição deixa claro que as invasões e o monitoramento das comunicações telefônicas ainda eram realizadas e pede orientações ao jornalista sobre a possibilidade de 'baixar' o conteúdo de contas do Telegram de outras pessoas antes da publicação das matérias pelo site The Intercept. Greenwald, então, indica que o grupo criminoso deve apagar as mensagens que já foram repassadas para o jornalista de forma a não ligá-los ao material ilícito", diz o MPF, para o qual ficou comprovado que Glenn auxiliou, incentivou e orientou o grupo durante as invasões, informa o Estadão. Nas redes sociais, a presidente nacional do PT Gleisi Hoffmann disse que o MPF "abusa do poder do poder p/ se vingar de @ggreenwald que denunciou crimes da Lava Jato e parcialidade de Moro contra Lula" e disse que o partido é "solidário" a Gleen.

 

• • • • •

 

Sérgio Moro agora também no Instagram

José Cruz/Agência Brasil

ColunaMarcoEusébio

Moro postou seu primeiro vídeo no Instagram: 'É uma forma de prestar contas à sociedade', afirmou

Além de ter entrado no Twitter no ano passado, Sérgio Moro lançou seu perfil quinta (23) no Instagram. "A pedido da minha esposa, estou finalmente entrando no Instagram. É uma forma de prestar contas à sociedade. Isso no dia dia 23 de janeiro, provando que esse perfil é meu mesmo", diz o ministro da Justiça e [ainda] Segurança Pública em seu primeiro vídeo postado na rede social, onde recebeu as boas vindas de colegas da Esplanada como Damares Alves (Mulher, Família e Direitos Humanos) e Ernesto Araújo (Itamaraty) e já atraiu mais de 168 mil seguidores até agora. Por enquanto, Moro segue apenas os perfis do presidente Jair Bolsonaro e do Ministério da Justiça. Veja o vídeo.

 
 
 
Ver essa foto no Instagram

Uma publicação compartilhada por Sergio Moro (@sf_moro) em

 

• • • • •

 

Acusado pela Fenaj de atacar a imprensa, Bolsonaro diz que vai evitar entrevistas

Instagram/Reprodução

ColunaMarcoEusébio

Bolsonaro cita relatório da Fenaj apontando ataques dele à imprensa e diz: 'Solução é não dar mais entrevistas'

Jair Bolsonaro disse na quarta (22) que vai evitar falar com a imprensa após levantamento da Federação Nacional dos Jornalistas (Fenaj) indicar que ele foi responsável por 121 (58%) de 208 ataques à categoria no ano passado. Abordado por repórteres ao sair do Palácio do Alvorada, o presidente afirmou: "Eu quero falar com vocês, mas a Associação Nacional de Jornalistas diz que, quando eu falo, eu agrido vocês. Como eu sou uma pessoa da paz, não vou dar entrevista. Não posso agredir vocês aí. Manda tirar o processo que eu volto a conversar". O site UOL consultou a Fenaj e a Associação Brasileira de Imprensa (ABI) que afirmaram não ter nenhum processo recente contra o presidente. No Twitter, Bolsonaro postou o vídeo da conversa com jornalistas em frente ao Alvorada e escreveu: "Como sou acusado de agredir a imprensa com entrevistas, a solução é não dar mais entrevistas. Bom dia a todos!"


 

 

LEIA A COLUNA DE HOJE CLICANDO AQUI EM MARCO EUSÉBIO IN BLOG

 

 



 


 

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix