Campo Grande/MS, Sexta-Feira, 27 de Maio de 2022 |
27˚
(67) 3042-4141
Colunistas
Quarta-Feira, 19 de Janeiro de 2022, 07h:29
Tamanho do texto A - A+
Colunistas

Plantão da Justiça em Campo Grande teve 82% de casos criminais e muita violência doméstica

Por Marco Eusébio

Da coluna Entrelinhas da Notícia
Artigo de responsabilidade do autor

TJMS

ColunaMarcoEusébio

Fórum de Campo Grande: plantão judiciário movimentado

O plantão judiciário de Campo Grande registrou grande movimento no feriado forense. De 20 de dezembro de 2021 até 6 de janeiro de 2022 foram distribuídos 854 processos na 1ª circunscrição que compreende, além da Capital, as comarcas de Bandeirantes, Ribas do Rio Pardo, Terenos, Sidrolândia, Rochedo e Jaraguari. Do total, cerca de 82% se referiram a feitos criminais (702), sendo 308 de medidas protetivas em violência doméstica e familiar. Também foram distribuídos inquéritos de réus presos; autos de apreensão de menor de idade; representações por busca e apreensão de arma; por decretação de prisão preventiva; requerimentos de liberdade provisória; solicitação de vaga em estabelecimento penal; adequação de regime de prisão etc. As ações cíveis tiveram 152 processos distribuídos, muitos sobre a área de saúde, como pedidos de vagas em UTI, fornecimento de medicamentos e cirurgia, tanto do SUS quanto de convênios médicos. Outros casos foram de religação de energia elétrica e água, e algumas ocorrências de autorização de viagem para crianças e/ou adolescentes. Os dados foram dvulgados pelo Tribunal de Justiça (TJMS), informando que os casos apreciados no plantão são sobre medidas urgentes, cuja demora possa resultar em risco de grave prejuízo ou de difícil reparação.

 

 

LEIA A COLUNA DE HOJE CLICANDO AQUI EM MARCO EUSÉBIO IN BLOG

 

 

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix