Campo Grande/MS, Terça-Feira, 07 de Julho de 2020 |
27˚
(67) 3042-4141
Colunistas
Domingo, 17 de Maio de 2020, 11h:09
Tamanho do texto A - A+
Colunistas

Grifes francesas se unem em leilão beneficente contra Covid-19

Por Aline Reis

Da coluna Moda e Beleza
Artigo de responsabilidade do autor

Dinheiro arrecadado foi destinado para a compra de equipamentos para profissionais de saúde

Divulgação

ColunaModaEBeleza

A crise causada pelo novo coronavírus tem impactado diretamente vários setores – inclusive, o da moda. Apesar disso, diferentes marcas de luxo têm utilizado sua influência e visibilidade para ajudar a reduzir os danos causados pela doença, em um esforço conjunto para superar o cenário. Seguindo esse movimento, a indústria da moda francesa realizou um leilão beneficente, com o intuito de arrecadar dinheiro para a organização sem fins lucrativos #ProtegeTonSoignant (Proteja seu Cuidador), que fornece e distribui suprimentos essenciais e equipamentos de proteção individual para os profissionais de saúde na França.

Com o nome de La Mode S’Engage (A Moda se Engaja), a iniciativa foi liderada por Nicolas Santi-Weil, presidente-executivo da marca francesa Ami, e Sarah Adelman, fundadora da Just An Idea e Colette. O leilão online contou com a participação de mais de 120 nomes, como Chanel, Dior, Louis Vuitton, Marc Jacobs e várias outras pessoas, assim como marcas de lifestyle e designers em ascensão. Além das várias marcas francesas participantes da Paris Fashion Week, alguns nomes chineses também apareceram na lista de integrantes, como Dawei, Sean Suen e Anaïs Jourden.

Cada marca deveria customizar um item já existente em seu arquivo ou criar um produto inteiramente novo. A única exigência é que todas as peças colocadas em leilão incluíssem uma referência à cor azul, marca da fundação #ProtegeTonSoignant. Designers que estão confinados em casa, sem acesso a materiais ou ferramentas para criar as peças, puderam leiloar esboços de projetos ou oferecer serviços sob encomenda.

O leilão La Mode S´Engage aconteceu de 1º a 4 de maio, com preços para todos os itens a partir de € 100 (R$ 628). No final do leilão, foi levantado um total de € 131.464 (R$ 825.513). De acordo com o portal Business of Fashion, a fundação está atendendo a 167 pedidos de suprimentos médicos no valor de cerca de € 20 milhões.

Essa não é a primeira vez que marcas famosas colaboram para arrecadar fundos em prol da saúde. Um exemplo aconteceu em 2009, quando a icônica Louis Vuitton realizou um leilão beneficente em Londres, onde foram arrecadados cerca de € 550.000, destinados à Cruz Vermelha na Nigéria. No evento, foram leiloadas criações exclusivas, além de outras peça idealizadas por fotógrafos e artistas. Situações como essa mostram o impacto que a indústria da moda pode exercer ao se posicionar em relação aos assuntos do mundo.

 

 

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix