Campo Grande/MS, Domingo, 15 de Dezembro de 2019 |
27˚
(67) 3042-4141
Colunistas
Domingo, 01 de Dezembro de 2019, 12h:58
Tamanho do texto A - A+
Colunistas

Como ser um YouTuber?

Por Gustavo Torniero

Da coluna Tecnologia
Artigo de responsabilidade do autor

Descubra os primeiros passos para produzir conteúdos para o YouTube

Divulgação

ColunaTecnologia

O YouTube se tornou um dos principais canais de busca na internet. De tutoriais de airsoft a maquiagem, a plataforma permite a produção de conteúdos para os mais diversos fins e públicos. De materiais divertidos a materiais educativos, o YouTube tem feito parte da vida de cada vez mais pessoas.

Para algumas pessoas, no entanto, o YouTube é um grande divisor de águas em suas vidas. Se você nunca ouviu falar de Felipe Netto, Jout Jout, Rita Von Hunty ou outros youtubers, talvez você esteja em outro mundo.

Se no passado, ao perguntar às crianças o que elas gostariam de ser, muitos diziam “astronauta” ou “veterinário”, agora a resposta “Youtuber” é algo que está em alta.

Com o sucesso de seus canais, cada vez mais pessoas passam a monetizar suas contas na rede, sobrevivendo satisfatoriamente do dinheiro que ganham de propaganda em seus vídeos. Quanto maior o alcance dos vídeos, maior a rentabilidade e maior o número de marcas que desejam patrocinar os conteúdos.

Mas o que é necessário para se tornar um youtuber?

Segmento de público
A dica dos próprios youtubers para quem deseja começar na área é fazer uma segmentação. Qual é o público que você deseja alcançar? O que eles consomem no YouTube? E em outras redes?

Faça esse mapeamento e estude quais são os seus principais concorrentes pela atenção desse público. Ainda que você vá falar sobre assuntos diversos, é importante sempre saber para quem você está falando e adequar a sua mensagem para esse público a partir de uma comunicação mais eficiente.

Tenha carisma
Ter carisma no YouTube nem sempre significa ser simpático em seus vídeos. O carisma tem a ver com a sua capacidade de engajar e envolver quem assiste o seu vídeo. Conseguir fazer com que eles interajam positivamente, se inscrevendo no canal ou curtindo o seu vídeo, é algo essencial para aumentar o seu alcance e a sua autoridade no meio.

Faça bons conteúdos
A não ser que você domine muito bem um assunto, não deixe de pesquisar bastante sobre o tema. Afinal, você estará concorrendo com outras pessoas que podem saber mais do que você e, se seu vídeo gerar uma reação negativa, seu canal poderá ser prejudicado.

O Google, que é proprietário do YouTube, tem feito uma investigação em todos os conteúdos, buscando evitar vídeos que tenham fake news, conteúdos conspiratórios ou violentos. Por isso, fique muito atento às principais regras da plataforma e se adeque ao que é solicitado.

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix