Campo Grande/MS, Sábado, 26 de Setembro de 2020 |
27˚
(67) 3042-4141
Cotidiano
Segunda-Feira, 10 de Agosto de 2020, 17h:44
Tamanho do texto A - A+

Carreteiro arruma confusão em boate, foge e é preso embriagado

A perseguição começou em Caarapó, porém militares só conseguiram abordar o motorista em Amambai, cidade vizinha

Flávio Veras
Campo Grande

PM/Divulgação

Carreteiro arruma confusão em boate, foge e é preso embriagado

 

Um Homem, de 35 anos, foi preso após flagrante dirigindo embriagada uma carreta, na madrugada de domingo (09), em Caarapó. Segundo informações, ele teria tido um desentendimento em uma boate e desobedeceu às ordens dos policiais militares durante a abordagem e apenas parou em Amambai, cidade vizinha.

 

Segundo a Polícia Militar, uma equipe de agentes recebeu denúncia de um veículo suspeito na BR-163. Ao passar em frente de uma boate na entrada da cidade, avistou uma carreta sendo manobrada de forma perigosa.

 

A equipe decidiu fazer uma abordagem, porém o motorista empreendeu fuga colidindo num veículo e na sequência trafegou pela BR-163 e MS-156. A polícia realizou perseguição do veículo que saiu em alta velocidade. 

 

A carreta trafegava ziguezagueando na via, oferecendo risco para outros condutores e até forçando motoristas a saírem da pista. Os militares decidiram atirar nos pneus da carreta. Porém, ainda assim o condutor não obedecia às ordens de parada.

 

O acompanhamento durou vários quilômetros e a perseguição prosseguiu até Amambaí, onde estava uma barreira policial que conseguiu abordar o condutor. O motorista, morador do estado do Paraná, apresentava visível estado de embriaguez e além do forte odor etílico. 

 

Ele ainda relatou que tal atitude se deu por conta de uma briga na boate, onde alguns homens teriam o agredido fisicamente, e disse não saber por que não parou antes para a equipe policial.

 

Diante dos fatos, o homem foi preso e conduzido para serem tomadas às medidas legais cabíveis.

 

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix