Campo Grande/MS, Segunda-Feira, 14 de Outubro de 2019 |
27˚
(67) 3042-4141
Cotidiano
Domingo, 16 de Junho de 2019, 08h:44
Tamanho do texto A - A+

Manifestantes protestam em frente a Havan e dono rebate: “baderneiros”

Movimento contra a reforma da previdência foi realizada nesta sexta-feira em vários pontos de Dourados

Renato Giansante
De Dourados para o Capital News

Sintef/UFGD

Manifestantes protestam em frente a Havan e dono rebate: “baderneiros”

Manifestantes em frente à loja da Havan em Dourados

Centenas de manifestantes contra a reforma da previdência se reuniram nesta sexta-feira (14) em frente à loja Havan de Dourados e o proprietário da rede, Luciano Hang, se manifestou em uma rede social com duras críticas aos mesmos.

 

Na publicação realizada no final da tarde, Hang chamou o protesto de baderna e ainda criticou a ação em horário de serviço.

 

“Baderneiros, malandragem hoje na nossa loja de Dourados, MS. Coitados, não gostam de trabalhar, são fracassados, invejosos e derrotados. Querem sempre viver às custas dos outros”, disse.

 

Favorável ao governo Bolsonaro, Luciano ainda chamou atenção para as bandeiras e cores das camisetas dos manifestantes. “Olhem as bandeiras. Vermelhas. Não deveriam estar na Venezuela? Querem me calar? Será que estou incomodando? Se jogar uma carteira de trabalho desaparecem todos. Kkk”, concluiu.

 

De acordo com o apurado, o protesto desses manifestantes iniciou em frente a sede do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) e seguiu em caminhada até a loja. Durante o percurso, foram distribuídos panfletos a população. Além da reforma, o protesto tinha como pauta também os cortes na educação.

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix