Campo Grande/MS, Sexta-Feira, 06 de Dezembro de 2019 |
27˚
(67) 3042-4141
Cotidiano
Terça-Feira, 05 de Novembro de 2019, 11h:07
Tamanho do texto A - A+

Maracaju recebe investimento de R$ 1 milhão em construção de Maternidade

Para a construção foram destinados R$ 1,5 milhão, sendo R$ 1 milhão dos cofres estaduais e R$ 500 mil de emenda

Laryssa Maier
Capital News

 

Projeto maternidade de Maracaju

Maracaju recebe investimento de R$ 1 milhão em construção de Maternidade

O projeto prevê a edificação de uma maternidade completa e moderna, com 525,25 metros quadrados

Maracaju município a qual fica 160 km da capital receberá em breve uma maternidade, logo deve iniciar as obras de construção, em área anexa ao Hospital Municipal Soriano Corrêa da Silva. A Prefeitura já finalizou o processo licitatório e autorizou a empresa vencedora do certame a começar os trabalhos. Para a construção foram destinados R$ 1,5 milhão, sendo R$ 1 milhão dos cofres estaduais e R$ 500 mil de emenda do deputado federal licenciado Geraldo Resende, atualmente secretário de Estado de Saúde.

 

O projeto prevê a edificação de uma maternidade completa e moderna, com 525,25 metros quadrados de área construída, contendo espaços para três salas pré e pós-parto, com banheiro e jardim de inverno; três salas de enfermagem; duas salas pós-enfermagem com banheiro; um jardim de inverno coletivo, dois consultórios ginecológicos com banheiros; uma sala de mamografia; e uma sala de múltiplo uso.

 

Na avaliação do secretário estadual de Saúde Geraldo Resende, a nova maternidade dará um salto de qualidade no atendimento às mamães e bebês do município. Segundo assessoria ele explica que a implantação da maternidade é resultado de uma parceria de trabalho com o governador Reinaldo Azambuja e prefeito Maurílio Azambuja. “Maracaju atende várias cidades vizinhas e a estrutura atual já não comporta a demanda. Queremos oferecer mais qualidade no atendimento para os pequeninos e suas mamães”, destaca.

 

Frederico Felini, secretário de Governo de Maracaju, afirma que a nova maternidade vai melhorar em muito o atendimento. “A saúde pública em Maracaju, que é considerada uma das melhores do Estado, vai dar um salto gigantesco de qualidade a partir da implantação da maternidade”, comemora. Numa segunda etapa, também em parceria de Geraldo com o Estado e o município, serão viabilizados os recursos para a compra de todos os equipamentos da unidade.

 

O Hospital Soriano Corrêa da Silva presta cerca de 3,5 mil atendimentos por mês, além de realizar 170 cirurgias/mês. O Pronto Socorro terá 1.200 metros quadrados de área construída e será dotado de 11 leitos de observação, além de toda a estrutura da urgência e emergência.

 

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix