Campo Grande/MS, Quinta-Feira, 02 de Abril de 2020 |
27˚
(67) 3042-4141
Cultura e Entretenimento
Quinta-Feira, 27 de Fevereiro de 2020, 14h:57
Tamanho do texto A - A+

Sem dinheiro Deixa leva troféu do Carnaval de Campo Grande

Neste ano não ocorreu premiação em dinheiro para a escola campeã

Norton Soares
Capital News

Ricardo Gomes/ MSGOV

Sem dinheiro Deixa leva troféu de Carnaval de Campo Grande

Enredo da Deixa Levar foi “Tocando em frente: sou caipira Pirapora”

A campeã do carnaval 2020 de Campo Grande foi a escola de samba Deixa Falar, com o enredo “Tocando em frente: sou caipira Pirapora”, em homenagem ao cantor e compositor Renato Teixeira. A apuração de votos ocorreu no Teatro de Arena do Horto Florestal, no final desta quarta-feira de cinzas (26).

Ocupando o segundo lugar esteve a Unidos da Vila Carvalho, que no ano passado foi a grande campeã. O tema para este desfile foi “Carvalho com Consciência Negra”.

Segundo o Presidente da Liga das Entidades Carnavalescas de Campo Grande (Lienca),  Eduardo Neto, o desfile deste ano superou as expectativas.“Sempre percorremos um caminho árduo na busca por um carnaval de qualidade e, no final, nossas expectativas são superadas. Agradeço o Governo do Estado e a Fundação de Cultura que nos deram condições e apoio para fazermos o melhor carnaval”, pontuou.

Somente na terça-feira (25), que foi o segundo dia de desfile das escolas de samba, mais de 4 mil pessoas compareceram à Praça do Papa para prestigiar. As escolas que desfilaram foram a Igrejinha, Unidos da Vila Carvalho, Deixa Falar e Catedráticos do Samba.

Mara Caseiro, diretora-presidente da FCMS (Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul), esteve presente no evento, onde elogiou o desempenho das escolas. “Todos os dirigentes das escolas, bem como os integrantes e passistas estão de parabéns pela garra e paixão que apresentaram na avenida”, afirmou Mara.

A premiação para a escola ganhadora foi um troféu e medalhas para cada comissão. Neto confirmou que  esse ano não haverá premiação em dinheiro por acordo entre as escolas. “Pela questão da contratação dos jurados de fora, que era um desejo das escolas, a premiação ficou em planilha para ser utilizada com os jurados”, contou.

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix