Campo Grande/MS, Quarta-Feira, 03 de Junho de 2020 |
27˚
(67) 3042-4141
Economia
Segunda-Feira, 18 de Maio de 2020, 14h:56
Tamanho do texto A - A+

Fecomércio orienta sobre normas de prevenção nas atividades comerciais

Empresários devem estar atento ao cumprimento dos decretos

Hélder Rafael
Capital News

Fecomercio

Fecomércio orienta sobre normas de prevenção nas atividades comerciais

Fecomércio orienta sobre normas de prevenção nas atividades comerciais

As atividades comerciais de Campo Grande vêm sendo progressivamente restabelecidas, à medida que a Prefeitura de Campo Grande flexibiliza as regras de abertura e de prevenção contra a transmissão do novo coronavírus. 

 

Por isso, a Federação do Comércio do Estado (Fecomercio-MS) reforça aos empresários que é preciso estar atento às orientações do município e recomendações da Organização Mundial de Saúde (OMS) e demais órgãos brasileiros, adotando medidas de higienização, de proteção e contra aglomerações.

 

“Além das recomendações básicas, como a disponibilização do álcool a 70%, uso de máscaras faciais e distanciamento, é preciso estar sempre atento à higienização de mesas e balcões, não proceder gestos próximos de confraternização, como apertos de mão ou abraços e a população também precisa fazer sua parte, evitando saída de grupos mais vulneráveis, como idosos, hipertensos, gestantes ou pessoas que já tenham problemas respiratórios”, alerta o gerente de relações sindicais da Fecomércio-MS, Fernando Camilo.

 

Atualmente, a capacidade normal dos estabelecimentos da Capital pode ser de até 60%, respeitando o limite de uma pessoa a cada 10m², com exceção dos bares e restaurantes, que deverão obedecer ao distanciamento mínimo de dois metros entre as mesas e um metro e meio entre os indivíduos.

 

Máquinas eletrônicas de pagamento via cartão de débito ou crédito, devem ser higienizadas após cada uso. Além disso, a prova de peças de vestuário continua vedada. A fiscalização das medidas de biossegurança previstas nos planos de contingência apresentados por segmento do comércio do setor de serviços é feita pela Semadur, Vigilância Sanitária, com apoio da Guarda Civil Metropolitana.

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix