Campo Grande/MS, Domingo, 17 de Outubro de 2021 |
27˚
(67) 3042-4141
Esporte
Quarta-Feira, 13 de Outubro de 2021, 07h:49
Tamanho do texto A - A+

Bahia e Palmeiras não saem do zero em Salvador pelo Brasileirão

Resultado ruim para os dois fez o Verdão perder posição no G4 e o Tricolor seguir na degola

Rogério Vidmantas
Capital News

Agência Palmeiras

Bahia Palmeiras

Bahia teve mais oportunidades que o Palmeiras, mas confronto passou em branco

A pontaria dos atacantes não foi o forte do confronto entre Bahia-BA e Palmeiras pela 26ª rodada do Campeonato Brasileiro. Nesta terça-feira (12), em Salvador, Esquadrão de Aço e Verdão não saíram do 0 a 0, resultado ruim para os dois lados. O Tricolor, com 27 pontos, segue na zona de rebaixamento e o Verdão, com 40, teve o quinto jogo seguido sem vitória e perdeu a terceira posição para o Red Bull Bragantino-SP que venceu o Atlético-GO por 1 a 0 e agora tem 41.

 

O jogo

 

O primeiro tempo do confronto entre Bahia e Palmeiras na Arena Fonte Nova foi equilibrado. O Tricolor foi quem ameaçou pela primeira vez, quando Gilberto recebeu pelo lado direito, tirou o goleiro Jaílson, mas Luan cortou e desviou para escanteio. Na marca dos 21, Jorge arriscou o chute da intermediária ofensiva, mas Danilo Fernandes defendeu. O Esquadrão chegou mais uma vez aos 21, em cruzamento de Nino Paraíba que Jaílson afastou de soco. Já na marca dos 28, Daniel soltou um foguete de fora da área e a bola passou sobre a meta.

 

A primeira chance palmeirense foi por intermédio de Rony, que desviou após cruzamento de Raphael Veiga, mas a finalização saiu por cima, aos 34. Três minutos depois, Luiz Adriano recebeu o passe na entrada da área, finalizou, foi travado e arriscou novamente, dessa vez a bola foi no cantinho, obrigando Danilo Fernandes a operar uma bela defesa.

 

Na etapa final, o Bahia voltou pressionando o time paulista. Aos 13, Gilberto finalizou de primeira da entrada da área e Jaílson fez mais uma grande defesa na partida. Já aos 16, Daniel chutou, o arqueiro palmeirense rebateu e a defesa conseguiu afastar. Na marca dos 26, o goleiro apareceu de forma fundamental mais uma vez, agora em chute de Mugni.

 

O tricolor seguia dominando, até que aos 37, Wesley, do Palmeiras, foi expulso. Mas, nenhuma das equipes conseguiu marcar e o jogo terminou empatado.

 

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix