Campo Grande/MS, Segunda-Feira, 09 de Dezembro de 2019 |
27˚
(67) 3042-4141
Esporte
Sábado, 15 de Junho de 2019, 07h:49
Tamanho do texto A - A+

Brasil começa Copa América com 3 a 0 na Bolívia, mas não convence torcedor

Primeiro tempo sem gols teve vaias e no segundo dois gols de Philippe Coutinho e um de Everton fizeram o placar

Rogério Vidmantas
Capital News

BP Filmes

Seleção Brasil Bolívia

Depois do primeiro tempo em branco, a Seleção Brasileira marcou três vezes no segundo no Morumbi

A Seleção Brasileira começou com vitória a Copa América, mas sem convencer o torcedor. Nesta sexta-feira (14), em São Paulo, na abertura da competição, o Brasil fez 3 a 0 na Bolívia, com dois gols de Philippe Coutinho e um de Éverton, todos no segundo tempo, após primeira etapa encerrada sob vaias. Nas arquibancadas do estádio do Morumbi, o público ficou longe dos esperados 70 mil torcedores, mas as 46.342 pessoas geraram renda de R$ 22,4 milhões, a maior arrecadada em uma partida de futebol no país.

 

O resultado deixa a Seleção na liderança provisória do Grupo A, com três pontos. Na outra partida da chave, Peru e Venezuela se enfrentam neste sábado (15), às 15h (MS), em Porto Alegre. Pelo Grupo B, Argentina e Colômbia jogam na Arena Fonte Nova, em Salvador, às 18h (MS).

 

O Jogo

 

A Seleção Brasileira voltou a utilizar a camisa branca em jogos oficiais, uma alusão ao título sul-americano de 1919, mas a nova camisa não deu sorte no primeiro tempo. Foram 12 finalizações contra nenhuma do adversário e 70% de posse de bola, mas nenhuma chance real de gol criada pelos brasileiros, apesar do esforço de Richarlison e David Neres pelos lados do campo. No apito final do árbitro Néstor Pitana, o descontentamento do público era nítido.

 

No segundo tempo o Brasil voltou para buscar o gol logo nos primeiros minutos para acalmar o torcedor, e conseguiu com o auxílio do árbitro de vídeo. Após cruzamento de Richarlison da direita, a bola bateu no braço do zagueiro Jusino. Pitana recorreu VAR e marcou a penalidade. Philippe Coutinho cobrou com precisão aos quatro minutos e abriu o placar. O gol animou o time que ampliou três minutos depois com o próprio Coutinho. O camisa 11 aproveitou cruzamento de Firmino para testar e fazer seu segundo gol no jogo. A tranquila vitória brasileira foi completada com uma pintura de Everton Cebolinha, que entrou na segunda etapa. O atacante do Grêmio recebeu pela esquerda, puxou para o meio e acertou um lindo chute, no canto esquerdo de Lampe, fazendo 3 a 0, placar final do jogo.

 

 

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix