Campo Grande/MS, Segunda-Feira, 17 de Fevereiro de 2020 |
27˚
(67) 3042-4141
Esporte
Quinta-Feira, 13 de Fevereiro de 2020, 07h:49
Tamanho do texto A - A+

Corinthians vence Guaraní por 2 a 1, mas cai na Pré-Libertadores

Timão abriu 2 a 0 mas, com um jogador a menos, não segurou a vantagem

Rogério Vidmantas
Capital News

Agência Corinthians

Corinthians Guarani

Vágner Love se esforçou, fez a jogada do segundo gol, mas o Corinthians ficou na Pré-Libertadores

O ano começou do pior jeito possível para o Corinthians. Nesta quarta-feira (12), o Timão venceu o Guaraní-PAR por 2 a 1 em São Paulo, mas, devido o saldo qualificado, o resultado foi insuficiente para evitar a eliminação na Pré-Libertadores, já que o time paraguaia havia vencido a ida por 1 a 0. Luan e Boselli marcaram para os brasileiros, mas Fernández descontou. 

 

Na próxima fase, o Guaraní enfrenta o Palestino-CHI para saber quem entra na fase de grupos. O classificado entra no Grupo B e enfrenta o Palmeiras, Tigre-ARG e Bolivar-BOL.

 

O jogo

 

Com a Arena Corinthians lotada, o Timão começou o jogo dando esperança de classificação até tranqüila. Logo aos oito minutos, em jogada individual, Luan arriscou de fora da área e acertou o canto do goleiro Servio, abrindo o placar. Aos 20, o Guarani quase empatou, mas Redes, de frente para Cássio após rebote, mandou para fora. Aos 28, Pedrinho, em jogada perigosa, levou o segundo cartão amarelo e foi expulso, mas nem isso desanimou o Timão que, cinco minutos depois, em jogada de Vágner Love pela esquerda, cruzou para Boselli marcar o segundo, resultado que classificaria os brasileiros.

 

A situação mudou na etapa final e a classificação mudou de lado aos sete minutos. Em cobrança de falta, Fernando Fernández acertou o cantou direito alto de Cássio, que foi mal para a bola, diminuindo para 2 a 1. Depois, na base do desespero, o Corinthians foi para o ataque e tentou pressionar, mas a bola não entrou. A melhor chance foi em cobrança de falta de Luan, mas a bola encontrou a rede pelo lado de fora. Aos 40 minutos, Romaña também foi expulso, deixando o número de jogadores igual, mas a pressão final não resultou no gol de empate que classificaria o time.

 

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix