Campo Grande/MS, Terça-Feira, 02 de Março de 2021 |
27˚
(67) 3042-4141
Esporte
Quarta-Feira, 20 de Janeiro de 2021, 19h:31
Tamanho do texto A - A+

Futebol de Mato Grosso do Sul se despede da Copa Verde com 11 a 0

Águia Negra levou quatro em Sinop e Aquidauanense sete em Goiás

Rogério Vidmantas
Capital News

Solimar Oliveira

Aparecidense Aquidauanense

Aparecidense deslanchou no segundo tempo e avançou com goleada impiedosa

O futebol sul-mato-grossense nunca passou de coadjuvante nas seis edições já disputadas da Copa Verde, mas EC Águia Negra e Aquidauanense FC agora conseguiram superar qualquer vergonha anterior. Nesta quarta-feira (20), na partida única pela primeira fase, o time de Rio Brilhante visitou o Sinop-MT e volta eliminado com uma derrota por 4 a 0. O Azulão conseguiu fazer pior. Em Aparecida de Goiânia, foi atropelado pela Aparecidense-GO ao ser goleado por 7 a 0. 

 

Sinop

 

O Águia Negra reunião o grupo de 15 jogadores que viajam para enfrentar o Sinop dias antes da viagem e, sem o técnico Rodrigo Cascca, que não deve continuar no clube para próxima temporada, teve um diretor como técnico interino. Mesmo assim, conseguiu suportar bem o primeiro no Gigante do Norte e levou a partida sem gols.

 

Mas depois do intervalo, a falta de condicionamento físico pesou e o time da casa tratou de mudar o cenário do jogo. Aos 25, Augusto abriu a contagem para o Galo. Já aos 38, Ednaldo fez 2 a 0. Enquanto nos minutos finais, Cristian, aos 45, e, Edimar, aos 49, sacramentaram a classificação mato-grossense para enfrentar o Atlético-GO. 

 

Aparecida de Goiânia

 

O Aquidauanense foi para a competição com a base do grupo que está montando para o Campeonato Estadual, mas o pouco tempo de preparação pesou contra um time que está em atividade e chegou até às quartas de final da Série B do Campeonato Brasileiro. Ainda no primeiro tempo a Aparecidense abriu o placar no Estádio Anibal Batista de Toledo. Na marca dos 21 minutos, Alex Henrique fez 1 a 0, placar que seguiu até o intervalo.

 

Depois do intervalo, a falta de condicionamento físico, natural no início da temporada, fez a diferença e os gols saíram em sequência. Uederson, aos dois, ampliou a contagem e no minuto seguinte, foi a vez de Cardoso deixar o dele. E ainda antes dos dez minutos jogados, Alex Henrique marcou o segundo dele na partida, 4 a 0. Aos 13, Washington anotou o quinto. De pênalti, Bessa fez 6 a 0, aos 23. E logo na sequência, Édipo deu números finais à goleada de 7 a 0. Agora, o time goiano tem pela frente o Cuiabá-MT. 

 

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix