Campo Grande/MS, Sábado, 24 de Agosto de 2019 |
27˚
(67) 3042-4141
Esporte
Quinta-Feira, 18 de Abril de 2019, 10h:08
Tamanho do texto A - A+

Grêmio bate Inter nos pênaltis e fica com o bicampeonato estadual

Paulo Victor pega três cobranças e vira herói desta quarta-feira

Renato Giansante
Capital News

O Grêmio é bicampeão gaúcho! Nesta quarta-feira (17), jogando em sua Arena, o Tricolor derrotou seu maior rival Internacional nas cobranças de pênaltis, após novo empate de 0 a 0, e conquistou seu 38º título estadual, desta vez invicto.

Divulgação/Grêmio

Grêmio bate Inter nos pênaltis e fica com o bicampeonato estadual

Grêmio foi campeão tomando apenas um gol em toda competição



Depois de um confronto nervoso, muitas jogadas ríspidas e muita confusão com o VAR, o jogo foi parar nos pênaltis e coube ao goleiro Paulo Victor ser o grande heroi ao defender três cobranças. André, que havia perdido pênalti no tempo normal, converteu o último pênalti e fez a Arena explodir de felicidade.

O jogo

O primeiro tempo foi de muitos cartões amarelos e poucas chances de gol. O Grêmio até chegou a marcar com André, que pegou o rebote de Marcelo Lomba no chute de Everton, aos 15 minutos, mas o VAR apontou para impedimento do centroavante. Na melhor jogada do Inter, Guerrero obrigou Paulo Victor a fazer grande defesa aos 36 em uma cabeçada.

No segundo tempo o Grêmio seguiu com mais posse de bola e o lance que gerou maior confusão aconteceu aos 23 minutos. Bruno Cortez foi puxado pelo calção por Parede dentro da área e após longos minutos de conferencia no VAR, o árbitro Jean Pierre Lima anotou pênalti para revolta dos Colorados. O técnico Odair Hellmann e o meia D’Alessandro, que estava no banco de reservas, foram expulsos. Mas na cobrança André parou em Marcelo Lomba.

Os minutos finais foram de pressão do time da casa com a melhor chance criada por Everton que acertou a trave já nos acréscimos.

Os pênaltis

Camilo abriu as cobranças e parou em Paulo Victor. Tardelli converteu para o Grêmio. Rafael Sobis empatou e Everton chutou para fora. Guerrero e Matheus Henrique fizeram na terceira cobrança. Paulo Victor pegou o chute de Cuesta e Lomba pegou de Michel. Nas últimas cobranças, Nico López teve o pênalti defendido por Paulo Victor e André fez o gol do título do Grêmio.

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix