CapitalNews

Sexta-Feira, 10 de Janeiro de 2020, 16h:28

Vereador confirmou problemas de gestão na Santa Casa de Campo Grande

Delegado Wellington destaca-se a conclusão do relatório que analisou o contrato de prestação de serviço

Laryssa Maier
Capital News

Flavia Andrade

Delegado Wellington fala sobre Segurança Pública e projetos de melhorias

Vereador Delegado Wellington

Vereador Delegado Wellington (PSDB), destaca-se a conclusão do relatório que analisou o contrato de prestação de serviço entre o município de Campo Grande e o maior hospital de Mato Grosso do Sul, a Santa Casa.

 

Segundo assessoria, concluído e entregue em novembro do ano passado, com 115 páginas, o relatório da análise do contrato entre a Prefeitura de Campo Grande e a Santa Casa, feito pelo parlamentar apontou a má gestão, recomendou a revisão contratual e cobrou mais transparência nas contas do hospital.

 

“A conclusão foi para a Sesau (Secretaria Municipal de Saúde) refazer a contratualização com novos processos gerenciais, pois não se pode aceitar dinheiro público entrar na conta comum e misturar. Necessariamente, a comissão quer a máxima transparência do dinheiro público. A Santa Casa precisa justificar a aplicação do dinheiro público”, destacou Delegado Wellington.

 

Além disso foi evidenciado que de outubro de 2017, quando foi instaurada a Comissão Temporária, até junho de 2019, houve aumento de R$ 13 milhões para R$ 15 milhões com folha de pagamento. Foi apontado ainda incoerências quanto aos valores das dívidas, que em 2019 estariam em R$ 180 milhões.

 

“Está sempre faltando dinheiro, não tem vagas, e os leitos estão lotados, salários sempre atrasados. Se está falando que não tem dinheiro, tem que enxugar, mas está gastando mais, pagando terceirizados. Precisamos de mais transparência. No entanto, a comissão apontou que as principais falhas se devem pela má gestão”, finalizou o relator.

 

A Comissão Temporária Especial foi instituída pela Resolução 1250/17 e foi presidida pelo vereador Dr. Wilson Sami, teve como relator vereador Delegado Wellington e membros vereadores Dr. Cury e Cazuza. O relatório foi entregue ao vereador Prof. João Rocha, presidente da Casa de Leis, para que as providências apuradas fossem adotadas junto ao Executivo.

 


Fonte: CapitalNews

Visite o website: wwww.capitalnews.com.br